Fonte Nova está com os dias contados

O secretário do Trabalho, Emprego, Renda e Esporte do Estado da Bahia (Setre), Nilton Vasconcelos, reuniu a imprensa ontem à tarde para comunicar que o Estado já começou a avaliar as propostas das empresas em relação ao futuro do estádio da Fonte Nova. O processo ainda está na fase de avaliação, mas a tendência, dentro do que foi apresentado por algumas empresas, será a demolição da Fonte Nova para a construção de um novo estádio com perfil de arena multiuso no mesmo local

Segundo o secretário Nilton Vasconcelos, as propostas que foram apresentadas até então estão dentro do esperado pelo governo do Estado. “Todas as quatro propostas das empresas que foram abertas até agora são arrojadas e muito diversificadas. Ainda não quero, e não posso, fazer nenhum juízo de valor, afinal de contas, estamos no início do processo. O que devemos fazer é aproveitar alguns aspectos de cada projeto para criarmos um plano de ação para a região”, declarou Nilton Vasconcelos.

Os principais critérios a serem adotados para a avaliação das novas propostas serão a viabilidade social, econômica, ambiental e financeira. Nilton Vasconcelos deixou bem claro que o governo do Estado não tem a menor intenção em investir em equipamentos esportivos, apenas em infra-estrutura para a região. “As cifras para a construção de um novo estádio estão em torno de 300 a 500 milhões de reais. O governo do Estado, em conjunto com verbas federais, só quer investir na infra-estrutura”, explicou o secretário. A Fifa vai anunciar em março de 2009 as subsedes para a Copa do Mundo de 2014, no Brasil. Para o secretário Nilton Vasconcelos, as chances de Salvador ser escolhida são muito boas, mas para isso o novo estádio precisa estar pronto até lá. “Teremos uma resposta sobre o que faremos com as propostas no final deste mês. A perspectiva é de que comecem as obras em 2010, e que elas se estendam até 2012. A Fonte Nova já vai estar pronta para a Copa das Confederações, em 2013 e, obviamente, para sediar de quatro a cinco jogos da Copa do Mundo. Além disso, se tudo der certo, a Bahia quer ter condições suficientes para também ser uma subsede dos Jogos Olímpicos de 2016, que terá o Rio de Janeiro como sede principal”, concluiu o secretário.

Deixe seu comentário

3 Trackbacks / Pingbacks

  1. Ha Giang Tours
  2. sextreffen
  3. 온라인바카라

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*