Cauly foi alvo de clubes do Grupo City; Bahia vai ativar cláusula de renovação

Cauly foi disputado no Grupo City, mas o diretor de futebol do Bahia agiu para vencer a briga.

Foto: Divulgação / EC Bahia

Principal jogador do Esporte Clube Bahia na temporada, o meia Cauly vem sendo cobiçado Palmeiras, Flamengo e Botafogo, porém, o Esquadrão não vai facilitar a saída do camisa 8, inclusive, segundo informação do ge.globo, a cúpula tricolor, durante a Série A, já sinalizou ao staff do atleta que pretende ativar uma cláusula no contrato para prorrogar o vínculo por mais um ano (até o final de 2027).

 

Ainda segundo informação do GE, Cauly foi disputado por outros clubes do Grupo City, mas o diretor de futebol do Bahia, Carlos Santoro, agiu para vencer a briga e contratar o jogador no início do ano. Na entrevista de apresentação do atleta, o dirigente tricolor revelou que já estava de olho em Cauly após atuações destacadas dele em torneios importantes, como a Europa League.

Além disso, antes do acerto com o Bahia, o camisa 8 recebeu ofertas de clubes do futebol árabe, mas o Ludogorets não quis dar andamento às negociações por preferir o Bahia em decorrência da SAF com o Grupo City. Cauly encerrou a Série A com 8 assistências, empatado com Pavón (Atlético-MG) e Raphael Veiga (Palmeiras), e atrás apenas de Hulk (Atlético-MG) e Suárez (Grêmio), que deram 11 passes para gol.

Natural de Porto Seguro (BA), Cauly Oliveira Souza fez praticamente toda a carreira na Europa. Surgiu nas divisões de base do FC Köln, da Alemanha, e passou também por SC Fortuna Köln, MSV Duisburg e SC Paderborn 07 no futebol alemão. Em 2019, se transferiu para o Ludogorets Razgrad, da Bulgária, onde atuou por quatro temporadas, com 114 jogos disputados, 26 gols marcados e 8 assistências.

Contratado em definitivo pelo Bahia, junto ao Ludogorets Razgrad, da Bulgária, por cerca de R$ 13,8 milhões, o camisa 8 tem contrato até 2026. A multa rescisória para o futebol brasileiro é de 50 milhões de euros, aproximadamente R$ 270 milhões.

Autor(a)

Fellipe Amaral

Administrador e colunista do site Futebol Bahiano. Contato: futebolbahiano2007@gmail.com

Deixe seu comentário