Barroca valoriza empate contra o Grêmio, mas acredita que Bahia poderia ter vencido

Com o resultado, o Tricolor Baiano chegou aos 57 pontos e se mantém na 3ª colocação, quatro pontos acima do Sport.

Foto: Rafael Machaddo / EC Bahia / Divulgação

O Esporte Clube Bahia ficou no empate em 1 a 1 com o Grêmio neste domingo, em Porto Alegre, pela 35ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série B. Após abrir 1 a 0 com Lucas Mugni, o Esquadrão vacilou defensivamente na etapa final e cedeu o empate com gol de Thiago Santos. Com o resultado, o Tricolor Baiano chegou aos 57 pontos e se mantém na 3ª colocação, quatro pontos acima do Sport, que empatou em 1 a 1 com o Vasco na Ilha do Retiro e contabilizando 53 pontos na 5ª colocação. Em entrevista após o jogo, o técnico Eduardo Barroca elogiou a postura do Bahia e valorizou o ponto somado fora de casa, porém, afirmou que fica um gostinho de que poderia ter retornado para Salvador com os 3 pontos na bagagem.

 

“Eu dividiria o jogo em quatro partes. A primeira metade do primeiro tempo, onde o Grêmio conseguiu se impor, num jogo direto, longo, com preparação do Diego para uma segunda bola, um jogo de muito cruzamento, rondaram bastante a nossa área, e a gente teve dificuldade de sair jogando com a bola limpa, que é uma característica que estamos tentando colocar na equipe. Na minha visão, da metade para o fim do primeiro tempo, a gente evoluiu a nossa saída. A gente conseguiu ficar mais com a bola no pé, mas sem transformar essa posse de bola na região do meio de campo em oportunidades claras. Mas acho que a gente melhorou já na metade para o final do primeiro tempo. Tivemos mais a bola no campo de ataque e conseguimos fazer o gol no final”, explicou Barroca.

“Voltamos para o segundo tempo com uma postura excelente. Conseguimos controlar o jogo, ter a bola no nosso pé. Criamos oportunidades. Aí o jogo, naturalmente, num jogo dessa importância, o Grêmio vai arriscando mais. Você vai fazendo as trocas. Todas as trocas hoje foram por necessidade, por questões de desgaste. Na parte final do jogo, depois que o Grêmio consegue fazer seu gol, um jogo que acaba ficando perigoso, por esse volume de jogo direto do Grêmio, de cruzamento. Eles, naquele momento, já com Diego e Elkeson”, iniciou Barroca.

“Óbvio que um resultado de empate aqui contra o Grêmio, nestas circunstâncias, é um bom resultado. Mas a gente fica com um gostinho de que poderíamos ter saído daqui com a vitória pelo que a gente apresentou, pela forma como a gente lutou, pela forma com que a gente saiu da adversidade que o jogo ofereceu para a gente e a gente foi crescendo”, complementou o treinador.

Na sequência da competição, o Esporte Clube Bahia enfrenta o Vila Nova, no próximo sábado (22), às 16h30, na Arena Fonte Nova, pela 36ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série B. Já o Grêmio encara o praticamente rebaixado Náutico, domingo (23), às 16h, no Estádio dos Aflitos, em Recife (PE).

Autor(a)

Fellipe Costa

Administrador e colunista do site Futebol Bahiano. Contato: futebolbahiano2007@gmail.com

Deixe seu comentário