Bahia é o 3º time que mais finaliza na Série B, e o que mais erra o alvo

Sem a presença do artilheiro Rodallega nos últimos jogos, o Esquadrão de Aço marcou apenas 9 gols em sete jogos disputados

Foto: Felipe Oliveira

Presente frequentemente no G-4 da Série B do Campeonato Brasileiro, o Bahia tem 13 pontos e está na 3ª posição da tabela geral. No entanto, o aproveitamento dos jogadores de ataque está fraco. Apesar de ser o melhor ataque da competição, com nove gols em sete jogos – sobretudo pela goleada por 4 a 0 em cima do Londrina -, a equipe tem encontrado complicações para marcar tentos.

 

Conforme o SofaScore, site especializado em análise de dados dos jogos, o Esquadrão de Aço chutou 21 vezes contra oito tentativas do Vasco, na derrota por 1 a 0, sofrida no último domingo (15). Na ocasião, os atacantes tricolores finalizaram no gol em apenas quatro tentativas. Diante da ausência do artilheiro da equipe na temporada, o técnico Guto Ferreira não tem tido alternativas no começo da Segunda Divisão nacional.

De acordo com dados do FootStats, site especialista em números do futebol, o Bahia é o terceiro time que mais finaliza na Série B, com 108 chutes para o gol: média de 15,4 por jogo. Apesar disso, o Esquadrão também é a equipe que mais erra o alvo na competição. Ao todo, 78 chutes saíram para fora das metas adversárias. O número representa 72,2% das finalizações. Rildo é o jogador do Bahia que mais buscou o gol nesta Série B. O atacante finalizou 18 vezes em seis jogos, uma média de três finalizações por jogo.

“O que vale é bola na rede. Não adianta nada criar mais situações. Acho que o Bahia fez uma boa partida. Temos nos precipitado um pouco nos lances de finalização”, comentou o treinador após o término do embate com o Gigante da Colina, no Estádio São Januário.

Com a missão de melhorar a efetividade, o Tricolor volta a campo na próxima sexta-feira (20), às 21h30, na Arena Fonte Nova. O confronto acontece pela rodada 8 da competição nacional.

Deixe seu comentário!

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*