Por visto negado, Samuel atrasa transação com clube do futebol japonês

Atacante marcou 9 gols pelo Vitória em 2021

Aposta do Esporte Clube Vitória para aliviar a saúde financeira da agremiação, o atacante Samuel retornou à estaca zero na transação com o Oito Trinita, do Japão. O jovem jogador, revelado na base rubro-negra, não conseguiu embarcar para o solo nipônico por causa do visto negado em função de não ter adquirido a segunda dose da vacina contra a Covid-19.

 

“O visto de Samuel já era para ter saído. Mas parece brincadeira Samuel ter o visto negado em função dele não ter tomado a segunda dose da vacina. Parece brincadeira. Estão voltando tudo à estaca zero. Isso atrasou um pouco o carimbo do visto de Samuel”, revelou Djalma Abreu, diretor de patrimônio do Vitória, em entrevista ao programa BN Na Bola, da Rádio Salvador FM 92,3.

Ainda de acordo com o dirigente do Leão da Barra, a atitude do atleta, de 21 anos, não deve impedir definitivamente o negócio.

“Não acredito. Apenas foi um lapso da parte do jogador que não tomou a segunda dose. Os japoneses são muito rigorosos e negaram o visto em função dele não ter tomado a segunda dose da vacina”, destacou.

Apesar de figurar no quadro de jogadores participantes da temporada 2022, Samuel sequer se apresentou no clube na data marcada. Em 2021, ele disputou 46 partidas pela equipe principal, onde marcou 9 gols e deu uma assistência.

Deixe seu comentário!

2 Trackbacks / Pingbacks

  1. Em meio a impasse com o Bahia, Rossi é apresentado por clube da Arábia Saudita
  2. Há mais de quatro meses afastado do cargo, PC solicita invalidade do relatório da Comissão Processante

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*