Após vencer o Vitória, Guto Ferreira se aborrece com pergunta sobre sua aparência

O treinador não gostou da consideração descabida e entendeu que o radialista foi desrespeitoso

Guto Ferreira está em alta no comando técnico do Ceará. Conduziu o time cearense depois de 10 anos para a Copa Sul-Americana e já estreou vencendo o boliviano Jorge Wilstermann na última terça-feira e neste sábado com tranquilidade derrotou o Esporte Clube Vitória e se tornou o primeiro finalista da Copa do Nordeste. Invicto, o Vozão encara o Bahia nos próximos dois sábados (1/8) sendo o primeiro jogo em Salvador e a grande decisão em Fortaleza.

 

No entanto, apesar do sucesso, o técnico sempre é alvo de deboche de parte da imprensa esportiva pela exuberância abdominal, aliás, quando no Bahia o treinador por iniciativa própria começou um tratamento para abrandar a situação, porém, pelo visto não obteve o resultado esperado, e por isto, é chamado de Gordiola um apelido oferecido pelo jornalista Flávio Prado ainda em 2014 de forma carinhosa, mas nem sempre tem a essa conotação.

Hoje por exemplo, após derrotar o Vitória na tradicional entrevista coletiva, o treinador foi alvo de insulto pelo radialista Willy Sulivan, da Rádio Pitaguary da cidade cearense de Maracanau.

O radialista comentou acerca das fotos recente do treinador para divulgar um novo uniforme da comissão técnica do Ceará. O radialista deu parabéns pelas fotos, mas acrescentou: “Como modelo Guto você é um excelente técnico”, uma consideração completamente alheia ao tema da entrevista que era tratar da luta do Ceará pelo tricampeonato do Copa do Nordeste.

O treinador não gostou da consideração descabida e entendeu que o radialista foi desrespeitoso ao fazer um comentário sobre a aparência dele, aliás, com toda razão.

Guto se recusou a responder. “Você vai me desculpar. Você fez 3 constatações. Todas elas querendo criticar meu trabalho e criticar minha aparência. Acho que você não merece minhas respostas. Você me desculpa. Eu respeito todo mundo e acho que você não me respeitou nesse momento”, explicou o técnico.

O Radialista, reconhecendo o erro, através de nota pediu desculpas pelo ocorrido e tentou explicar que não usou as palavras certas.

“Venho por meio deste pedir encarecidamente desculpas pela minha colocação na entrevista de hoje a noite, a minha colocação foi muito infeliz, mas o pensamento não foi e jamais será atingir algo ou alguém, e realmente era o intuito de enaltecer o profissional, e minha colocação realmente era só um momento de descontração, e que infelizmente as palavras não fluíram corretamente, e nunca tive e nunca terei esse pensamento de realizar uma maldade. Apenas queria mostrar que o técnico Guto Ferreira é uma excelente profissional, mas novamente venho pedir desculpas pelo o acontecido, e desde de já serei mais atento nas colocações das palavras. Que eu, e nossa equipe jamais faríamos algo de má-fé”.

Deixe seu comentário!

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*