Na história, Bahia venceu o Inter apenas três vezes no Sul, a última em 2014

Bahia venceu por 2 a 0 o Inter pela Sul-Americana de 2014

Sem vencer há quatro jogos e comandado interinamente pelo auxiliar Cláudio Prestes após o desligamento do técnico Roger Machado, o Esporte Clube Bahia terá neste domingo uma parada dura em Porto Alegre, onde enfrentará o Internacional, às 16h, no Estádio Beira-Rio, pela oitava rodada do Campeonato Brasileiro da Série A. No histórico geral do confronto, os times já se enfrentaram 52 vezes, e o Internacional leva vantagem com 27 vitórias, contra 11 triunfos do Bahia, além de 14 empates. Contando apenas jogos pelo Brasileirão, dos 37 encontros, o time gaúcho levou a melhor em 23 deles, empatou 10, enquanto o tricolor baiano venceu 4 vezes.

 

Atuando em Porto Alegre, o Bahia venceu o Internacional apenas três vezes na história dos confrontos. A primeira vez em 1989 por 2 x 1 pela Copa Libertadores, a segunda em 2013 por 2 x 1 pelo Brasileirão e a terceira em 2014 pela Copa Sul-Americana vencendo por 2 x 0, com gols de Lucas Fonseca e Diego Macedo, encaminhando a classificação que foi confirmada na partida de volta em Salvador.

Naquela ocasião, o time do Bahia era treinador por Gilson Kleina e jogou com: Marcelo Lomba, Roniery, Lucas Fonseca, Titi e Pará; Fahel, Rafael Miranda, Léo Gago, Diego Macedo (Fahel) e Emanuel Biancucchi (Rhayner); Rafinha (Guilherme Santos) e Henrique.

O Inter, comandado por Abel Braga naquele ano, jogou com Dida; Cláudio Winck, Paulão, Ernando e Alan Ruschel; Ygor (Leandro), Wellington, Aránguiz, Alex (Alan Patrick) e Valdívia; Wellington Paulista.

Do time do Bahia que entrou em campo naquele jogo de 2014, o zagueiro Lucas Fonseca é o único remanescente. Marcelo Lomba, na época goleiro do Bahia, hoje defende o Internacional. De lá para cá, o Tricolor empatou um jogo e perdeu cinco em sequência. Dos 26 jogos, o Inter como mandante venceu 18 vezes e empatou 5, um desses empates foi marcante para o Esquadrão, pelo Brasileiro de 1988, garantindo o bicampeonato brasileiro.

RELEMBRE O JOGO DE 2014

Comentários:

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*