Apesar de ter sido vitrine, Bahia não receberá nada pela venda de Artur

Jogador foi negociado pelo Palmeiras ao Bragantino

Foto – Felipe Oliveira/EC Bahia

Com um orçamento de R$ 200 milhões graças ao poderio financeiro da Red Bull, o Bragantino é um dos clubes que mais se movimenta no mercado da bola do futebol brasileiro. Até aqui, o campeão da Série B 2019 contratou o jovem Alejandro (19 anos, Atlético-MG) por R$ 14 milhões e negocia as contratações de Thonny Anderson (Grêmio) por R$ 15 milhões e o goleiro Cleiton (Atlético-MG) por R$ 18 milhões. Também tentou o zagueiro Walce, porém, o São Paulo recusou uma oferta de R$ 27 milhões. Mas quem está perto mesmo do Bragantino é o meia-atacante Artur, de 21 anos, que foi destaque no Esporte Clube Bahia em 2019 e retornou ao Palmeiras com a expectativa de ser aproveitado em 2020, no entanto, surgiu a proposta de 6 milhões de euros (R$ 27 milhões), que agradou a diretoria alviverde que busca fazer caixa. Apesar de ter sido vitrine, o Bahia não tem direito a nenhum valor da negociação. O Esquadrão abriu mão da taxa de vitrine no meio do ano para manter o atleta até o final da temporada.

 

De acordo com o site Esporte Interativo, o Palmeiras já deu o ‘ok’ para o Bragantino acertar contrato com Artur pelas próximas temporadas. O jogador também já teria sinalizado positivamente. A oferta é de 6 milhões de euros (3 milhões de euros em 2019 e 3 milhões de euros em 2020) por 90% dos direitos econômicos do atleta de 21 anos. O Palmeiras seguirá com 10% do jogador para lucro em uma eventual futura venda, além da porcentagem que deve receber pelo mecanismo de solidariedade da FIFA, já que é clube formador, assim como o Ceará. Em acordo com o Vozão, dono de outros 30%, o Verdão passará 1 milhão de euros agora e outros 30% sobre os 10% da próxima venda.

A venda de Artur ajudaria o Palmeiras a não fechar 2019 com um balanço financeiro deficitário. Atualmente o prejuízo é de cerca de R$ 40 milhões, e a negociação de jogadores é vista como a principal alternativa para equilibrar as contas antes do fim do ano. Além disso, recentemente Artur se envolveu em uma polêmica, ao aparecer em uma foto vestindo a camiseta do Flamengo, o que irritou os torcedores do Palmeiras. Logo após a repercussão nas redes sociais, ele pediu desculpas e disse que a foto se tratava de uma aposta feita com amigos de Fortaleza, sua cidade natal.

VEJA TAMBÉM

Deixe seu comentário

Autor(a)

28/12/2019 às 23h59

Fellipe Costa

Redator e Administrador do Futebol Bahiano. Contato: [email protected]

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*