Lateral do Vitória valoriza empate diante das circunstâncias do jogo

"Agora é juntar o que a gente errou e pensar no Brasil”, disse

Foto: Letícia Martins/ECVitória

Após conquistar um resultado espetacular diante da Ponte Preta vencendo com um jogador a menos em Campinas, o Esporte Clube Vitória agora diante do seu torcedor no Estádio Manoel Barradas ficou apenas no empate por 2 a 2 com o Figueirense, perdendo uma grande oportunidade de se distanciar ainda mais do Z-4. No primeiro tempo, Anselmo Ramon abriu o placar aos 33 minutos, mas dois minutos depois Luis Ricardo igualou. Aos 12 minutos do segundo tempo, Odilávio acertou um belo chute e fez o segundo. Aos 33, Eron foi derrubado na área. Pênalti convertido pelo lateral Thiago Carleto que após a partida lamentou o resultado, porém, frisou que acabou sendo bom pelas circunstâncias.

 

“Começou no nosso ataque [segundo gol do Figueirense], uma falta de pressão no ataque, foi estourar no escanteio. O professor mostrou que o Luís [Ricardo] só ia ali. Agora é levantar a cabeça, porque não foi um bom resultado, mas nas circunstâncias de jogo, acabou sendo. Agora é juntar o que a gente errou e pensar no Brasil”, disse em entrevista ao SporTV.

Com o resultado, o Vitória se mantém no 15º lugar, agora com 37 pontos, quatro pontos de distância para o Figueirense que também fica estagno na 17ª colocação com 33 pontos. Na próxima rodada, o Rubro-Negro Baiano volta a atuar no Estádio Manoel Barradas, agora contra o Brasil de Pelotas, sexta-feira (08), às 19h15, pela 33ª rodada da competição.

Deixe seu comentário

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*