Carlos Amadeu nega ter pedido demissão e garante que continua no Vitória

Treinador diz que continua no Vitória

Foto: Ascom/EC Vitória

Após ter sido noticiado que estaria deixando o Vitória por conta própria, após a derrota para o São Bento, o técnico do Vitória Carlos Amadeu através de nota de sua assessoria, negou de forma clara que estaria deixando o clube.  Ainda de acordo a nota, a informação é falsa e não passa de boatos. De fato, a informações no barato era estranha, afinal, após o jogo, o treinador na tradicional entrevista coletiva, lamentava e justificava a derrota, porém,  sem dá qualquer indícios que estaria com a pretensão de deixar o clube, até porque, a campanha do Vitória após sua chegada ainda que longe do ideal e necessária é a melhor considerando os técnicos anteriores.

Enquanto isto, a delegação retorna na tarde desta quarta-feira (18) e os atletas serão liberados até sexta-feira (19) pela manhã, iniciando a preparação para enfrentar o Atlético Goianiense, terça-feira, na Arena Fonte Nova. Após cumprirem suspensão, o volante Lucas Cândido (três cartões) e o meia Felipe Gedoz (expulsão) ficam à disposição do técnico Carlos Amadeu.

Quanto ao volante Rodrigo Andrade, vetado por causa de um desconforto na posterior da coxa, será avaliado pelo departamento médico. O atleta segue em tratamento com os fisioterapeutas do clube. O zagueiro Everton Sena foi a baixa do jogo em Sorocaba. Aos 22 minutos do primeiro tempo, ele acusou dores na posterior da coxa esquerda, e foi substituído por Zé Ivaldo.

Deixe seu comentário

1 Comentário

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*