Bahia visita o pressionado Corinthians em confronto direto pelo G-6

Esquadrão pode terminar a rodada no G-6 se vencer ou empatar

Foto: Djalma Vassão/Gazeta Press

Com o mesmo objetivo neste Campeonato Brasileiro, que é de brigar por uma vaga na Libertadores, Corinthians e Bahia fazem um confronto direto neste sábado (21), às 19h, na Arena em Itaquera, pela primeira rodada do returno da Série A. O Esquadrão não perde há 9 jogos (4 triunfos e 5 empates) e ocupa a sétima colocação com 31 pontos, um ponto atrás do Timão que é o 5º colocado porém, vem pressionado após perder para Independiente del Valle na quarta-feira, por 2 a 0, dentro de casa, pelo jogo de ida da semifinal da Copa Sul-Americana, que resultou em protestos de torcedores na véspera do jogo com Fábio Carille como principal alvo. O Tricolor, por sua vez, empatou com o Fortaleza por 1 a 1 em plena Fonte Nova na rodada passada e perdeu grande chance de neste momento ocupar a 5ª colocação.

 

Se vencer o Corinthians em São Paulo, o que não acontece desde 2003 contando jogos pelo Brasileiro da Série A e 2008 se levarmos em consideração a partida pela Série B daquele ano, o Esporte Clube Bahia já garante um lugar no G-6 nesta rodada, mas pode alcançar até o 4º lugar dependendo de derrota improvável do Internacional contra a Chapecoense no Beira-Rio e tropeço do São Paulo para o Botafogo no Nilton Santos. Em caso de empate, o Esquadrão se mantém no 7º lugar, mas ainda assim pode entrar no G-6 se o São Paulo perder para o Botafogo por dois ou mais gols de diferença. Já em caso de revés, o Tricolor Baiano corre o risco de perder a 7ª colocação para o Grêmio, se o time gaúcho vencer o Santos na Vila Belmiro.

PROVÁVEL ESCALAÇÃO: A tendência é que o treinador faça apenas duas mudanças, uma por opção, com a saída de Alejandro Guerra e a entrada de Ronaldo, voltando assim ao esquema com três volantes de contenção. A outra alteração é no ataque com Élber assumindo o lugar de Lucca que não pode enfrentar o Timão por questão contratual. Com isso, o Bahia deve ser escalado com: Douglas; Nino Paraíba, Lucas Fonseca, Juninho e Moisés; Gregore, Flávio e Ronaldo; Artur, Élber e Gilberto.

ARBITRAGEM: Para o jogo, a CBF escalou como árbitro principal o paraense Dewson Fernando Freitas da Silva, da FIFA. Ele será auxiliado por Eduardo Goncalves da Cruz, do Mato Grosso do Sul, e Marcio Gleidson Correia Dias, também do Pará. A responsabilidade do árbitro de vídeo será de Wagner Reway, da Fifa (PB). No auxílio, estarão Andrey da Silva E Silva, do Pará, e Oberto da Silva Santos, da Paraíba.

Deixe seu comentário

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*