Presidente do Vitória e diretor do Galo negam negociação por Denílson

Com a possível perda do atacante Róger Guedes, o Atlético Mineiro já se movimenta no mercado atrás de um substituto caso o jogador que pertence ao Palmeiras seja vendido durante a janela de transferência europeia. Com isso, foi divulgado pelo Jornal O Tempo que o Galo estaria em negociações avançadas para contratar o atacante Denílson, hoje no Vitória.

No entanto, o presidente do Vitória, Ricardo David, em entrevista ao Bahia Notícias, garantiu que não chegou nenhuma proposta até o momento, que o atleta treinou e deve ser relacionado para o duelo contra o Internacional, sendo assim, faria o seu sétimo jogo na Série A ficando impossibilitado de atuar por outra equipe na competição.

“Até agora pela manhã não chegou nada. Nenhuma comunicação e nem nada. Estou no Barradão neste momento e não teve nenhum tipo de sondagem. Denílson treinou ontem e está concentrado para o jogo de hoje”, disse o presidente.

Ex-treinador do Vitória e hoje diretor de futebol do Atlético-MG, Alexandre Gallo também negou e afirmou se tratar de especulação. “Não tem nada. É especulação”, resumiu.



Denílson tem 22 anos e foi revelado na base do Fluminense. Acumula passagens por Granada-ESP, Neftchi, do Azerbaijão, Avaí e São Paulo – dois últimos clubes em que atuou em 2017. Chegou ao Leão no início de 2018 e já participou de 27 partidas sendo 21 como titular, fazendo 11 gols e uma assistência. Na partida contra o Sampaio, ele não apareceu para viajar com o elenco e foi multado pela diretoria em 25% do salário.

O Atlético-MG procura opções para o ataque, já que perdeu recentemente o meia Rômulo Otero, contratado pelo mesmo clube que levou o técnico Fábio Carille, do Corinthians. Além disso, o Galo pode perder na abertura da janela de transferências o atacante Róger Guedes, que pertence ao Palmeiras e está no clube por empréstimo. Artilheiro da Série A com 5 gols, ele também é alvo do futebol árabe.

VEJA TAMBÉM: Bahia, Vitória e Santos disputam meia argentino

Deixe seu comentário

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*