Condé destaca personalidade do Vitória no Ba-Vi: ‘Digno de uma grande final’

Vitória venceu o Bahia de forma heroica na tarde deste domingo (31), por 3 a 2 de virada.

Foto: Victor Ferreira/EC Vitória

O Esporte Clube Vitória chegou a estar perdendo por 2 a 0, mas conseguiu uma virada heroica e venceu o Bahia por 3 a 2, no Estádio Manoel Barradas, no primeiro jogo da final do Campeonato Baiano. Thaciano e Cauly marcaram os gols do tricolor, enquanto Mateus Gonçalves (2) e Iury Castilho viraram para o Leão. Na entrevista pós-jogo, o técnico Léo Condé destacou a personalidade do time para buscar a virada e elogiou os jogadores que entraram em campo no segundo tempo.

 

“Era hora de arriscar. Tirei um volante, coloquei mais um atacante. E logo quando o Mateus (Gonçalves) entrou, a gente sofreu o segundo (gol). Mas a equipe mostrou personalidade… De um modo geral, os atletas que entraram foram muito decisivos. Os jogadores têm que estar preparados para jogar 90 minutos, 30..o tempo que for. E eles mostraram isso”, disse.

“Foi um jogo digno de uma grande final, de um grande clássico do futebol brasileiro. Cheio de alternativas. Acho que a gente começou bem, tentando pressionar a saída de bola do Bahia. Depois, caímos, estava muito quente… E, infelizmente, sofremos o gol muito rápido no segundo tempo. Mas mostramos força. Seguimos buscando a todo tempo”, avaliou.

A partida de volta acontece no próximo domingo (07), às 16h, na Arena Fonte Nova. O Vitória tem a vantagem do empate para ficar com o título, que não vem desde 2017. Já o Bahia precisa vencer por dois gols de diferença para levantar a taça no tempo normal, ou então devolver o placar por um gol de diferença para decidir o título na disputa por pênaltis.

Autor(a)

Fellipe Amaral

Administrador e colunista do site Futebol Bahiano. Contato: futebolbahiano2007@gmail.com

Deixe seu comentário