Bahia estreia na Copa do Brasil 2024 buscando evitar ‘surpresa’

Esporte Clube Bahia terá um jogo decisivo nesta quarta-feira (21), contra o Moto Club.

Foto: Felipe Oliveira/EC Bahia

Após a derrota para o Vitória primeiro clássico Ba-Vi do ano, por 3 a 2, no Barradão, pelo Campeonato Baiano, o Esporte Clube Bahia volta a campo nesta quarta-feira (21), às 20 horas, para enfrentar o Moto Club, no Estádio Municipal Nhozinho, em São Luís, no Maranhão, pela primeira fase da Copa do Brasil. Como determina o regulamento do torneio, o Esquadrão tem a vantagem do empate para se classificar.

 

Recentemente, Ceni falou sobre o torneio e frisou que o Bahia precisa estar ajustado não ter surpresa e cair na primeira fase, o que seria um enorme vexame. “Não sei aonde a gente pode chegar, mas nós temos que estar mais ajustados para não ter surpresa. Copa do Brasil prega peças”, disse.

O Esquadrão terá mudanças para o jogo. Gabriel Xavier formará a dupla de zaga com Victor Cuesta. Marcos Felipe, que foi reserva no Ba-Vi, também volta à equipe. O atacante Biel, que não jogou o clássico por conta de um incômodo, treinou normalmente e está de volta. A provável escalação tem: Marcos Felipe; Arias (Gilberto), Gabriel Xavier, Victor Cuesta e Luciano Juba; Jean Lucas, Caio Alexandre, Thaciano, Cauly e Everton Ribeiro; Biel.

Quem apita o duelo é o árbitro carioca Marcelo de Lima Henrique, que faz parte da Federação Cearense de Futebol. Ele será auxiliado pelos assistentes Eder Alexandre e Gizeli Casaril, ambos de Santa Catarina. O quarto árbitro será o maranhense Mayron Frederico dos Reis Novais. José Mocellin, do Rio Grande do Sul, será o assessor, enquanto Jorge Luis Viana da Silva, do Maranhão, será o analista de campo.

 

Autor(a)

Fellipe Amaral

Administrador e colunista do site Futebol Bahiano. Contato: futebolbahiano2007@gmail.com

Deixe seu comentário