Enderson destaca autoridade do Bahia para vencer o Vasco e elogia Goulart

"Foi uma energia muito boa. A gente se sentiu acolhido", disse o treinador sobre a torcida.

Foto: Felipe Oliveira / EC Bahia

O Esporte Clube Bahia venceu o Vasco, por 2 a 1, neste domingo, na Arena Fonte Nova, pelo encerramento da 26ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série B. O Cruzmaltino saiu na frente com gol contra de Ricardo Goulart em falha de Danilo Fernandes, mas o Tricolor virou com gols de Quintero (contra) e Ricardo Goulart. Com o triunfo, o Esquadrão chegou aos 47 pontos e se firmou na vice-liderança, abrindo três pontos para o Grêmio (3º com 33), cinco para o Vasco (4º com 42) e nove pontos para o Londrina, primeiro time fora do G-4, com 38 pontos. Em entrevista após o jogo, o técnico Enderson Moreira agradeceu a presença da torcida e destacou a autoridade do time tricolor para virar o jogo.

 

“Antes de mais nada, agradecer aos que compareceram e aos que estão acompanhando por rádio, tv e internet. Foi uma energia muito boa. A gente se sentiu acolhido. No jogo passado sofremos gol no último lance e algumas pessoas foram injustas com atletas nossos. Ninguém erra porque quer. São atletas que podem falhar. Mas foi um jogo em que a gente conduziu muito bem contra o Vasco da Gama, que é um gigante, assim como o Bahia. Tivemos autoridade para vencê-los. Criamos oportunidades e mesmo no 2 a 1 seguimos criando situações, dando o mínimo de chances. Tivemos um desequilíbrio quando tomamos o gol, uns dez minutos ficamos muito emocionais e pouco racionais. Jogamos com aquela vontade de acertar e empatar de qualquer forma, aí começamos a errar. Depois tivemos mais consistência para buscar a virada. Fico feliz pelo triunfo, pela festa que foi…”, disse.

Enderson também destacou a qualidade do meia Ricardo Goulart. “Foi uma infelicidade nossa ali, não podemos culpar ninguém, aconteceu. O Ricardo é um jogador multicampeão por onde passou… Dispensa apresentações. É um jogador de muita qualidade. Estamos com todo carinho com ele para fazer essa readaptação de maneira tranquila, que a gente não coloque de qualquer jeito. Jogador decisivo, com muita qualidade, foi um cabeceio bonito de se ver. Tenho certeza que ele vai nos ajudar muito”, explicou.

O Esporte Clube Bahia tem novo compromisso na próxima quarta-feira (31), às 21h30, para enfrentar a Ponte Preta, no Estádio Moisés Lucarelli, em Campinas (SP), pela 27ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série B. O Esquadrão só volta a jogar em Salvador no dia 3 de setembro, contra o Tombense, às 19h, na Arena Fonte Nova.

Autor(a)

Fellipe Costa

Administrador e colunista do site Futebol Bahiano. Contato: futebolbahiano2007@gmail.com

Deixe seu comentário