Rui Costa repudia ataque a ônibus do Bahia e determina apuração imediata

A Arena Fonte Nova divulgou nota em que lamentou o episódio.

Foto - Governo da Bahia/ divulgação

Na chegada à Arena Fonte Nova para o jogo contra o Sampaio Corrêa, pela Copa do Nordeste, o ônibus do Esporte Clube Bahia foi atacado quando chegava à Arena Fonte Nova. Uma bomba foi lançada no veículo, quebrou vidros de algumas janelas e os estilhaços atingiram alguns jogadores. O lateral-esquerdo Matheus Bahia sofreu cortes nos braços; Danilo Fernandes foi atingido no rosto, perto do olho e levado por uma ambulância a um hospital de Salvador. O atacante Marcelo Cirino também ficou feriado e não participou do jogo.

 

Após o ocorrido, o governador da Bahia, Rui Costa, se manifestou nas redes sociais, repudiou o atentado e disse que determinou apuração imediata.

“Nada justifica o ataque covarde contra o ônibus do Bahia na noite desta quinta. Futebol não é campo de guerra, é paixão. Determinei imediata apuração. Jogadores, sejam eles do Bahia, Vitória ou qualquer outro time, são profissionais e merecem respeito. O crime será investigado e os autores do atentado – que eu prefiro não chamar de torcedores – devem ser julgados pela Justiça.”, postou no Twitter. 

A Secretaria de Segurança Pública (SSP-BA) divulgou uma nota informando que a Polícia Militar está realizando rondas no entorno do estádio para tentar capturar os suspeitos do ataque e que a Polícia Civil irá investigar o caso. As guias para perícia no veículo atingido e exame de lesões corporais no atletas também foram expedidas.

“Vamos coletar imagens de câmeras, depoimentos dos jogadores e também de testemunhas que passavam pelo local, naquele momento. Atuaremos com força máxima para identificar e prender os autores”, ressaltou o delegado Victor Spínola, titular da 12a Delegacia Territorial (Itapuã) e que está de plantão na Delegacia da Arena Fonte Nova.

A Arena Fonte Nova também se manifestou repudiando o ocorrido: “A Arena Fonte Nova repudia veementemente o ataque desferido ao ônibus do Esporte Clube Bahia, este fato lamentável e reprovável, ocorreu quando o ônibus passava nas imediações da Estação do Metrô de Brotas, próximo ao viaduto de Pitangueiras. Apesar do fato ter ocorrido fora do local do jogo, a Arena prestou toda a assistência necessária aos feridos com o acionamento dos brigadistas e de ambulância”, diz o texto.

Autor(a)

Fellipe Costa

Administrador e colunista do site Futebol Bahiano. Contato: futebolbahiano2007@gmail.com

Deixe seu comentário