“A vida não é só feita de sucessos, mas também de fracassos”, diz Bellintani

"Eu aprendi nesse tempo de vida que a vida não é só feita de sucessos", disse.

Foto: Felipe Oliveira / EC Bahia

Após ensaiar no ano passado, o Esporte Clube Bahia amargou o rebaixamento à Série B na temporada 2021. O Esquadrão até chegou na última rodada precisando apenas de si, mas não teve competência para vencer o bom time do Fortaleza na Arena Castelão, perdeu de virada e foi ultrapassado pelo Juventude, que venceu o Corinthians e se salvou. Após a queda, o presidente Guilherme Bellintani, principal responsável pelo vexame, concedeu entrevista e disse que “fracassos também fazem parte da vida”.

 

“Eu aprendi nesse tempo de vida que a vida não é só feita de sucessos, mas também de fracassos. Aprendi muito por onde passei que os fracassos acontecem, decepcionam, machucam, mas temos que olhar para eles e entender que fazem parte da nossa vida. E é assim que eu enfrento meus problemas”.

Questionado sobre o planejamento para 2022, o mandatário frisou que não fará análises superficiais e generalistas. “Para que a gente tome decisões corretas a partir de agora, não podemos fazer análises superficiais e generalistas. Nada que eu falar tira minha responsabilidade, mas se formos olhar o filme que passa na nossa cabeça, o grande erro não existiu, mas sim vários erros sequenciados”.

Bellintani também evitou comprar os erros de 2020 e de 2021. “Eu, sinceramente, não acho que houve necessariamente o mesmo tipo de erro de 2020. No ano passado, erramos em contratações com investimentos altos. Nesse ano, tivemos uma profunda dificuldade financeira. Não conseguimos ter competitividade, mas deveríamos ter montado um time mais competitivo sim”.

Deixe seu comentário!

1 Trackback / Pingback

  1. Confira a seleção dos melhores da Série A 2021; Ex-Bahia é a revelação

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*