Atlético-MG pode igualar, contra o Bahia, marca defensiva de 2014

desde 2006, só em 2014, o Alvinegro passou cinco partidas sem ter a meta balançada

Foto: Felipe Oliveira / EC Bahia

Invencível há mais de 30 dias, o Atlético-MG acumula uma incrível sequência de vitórias consecutivas na Série A do Campeonato Brasileiro 2021. Nas últimas sete rodadas, o Galo somou sete vitórias. Em outra competição, a Copa Libertadores da América, a equipe mineira garantiu a classificação às quartas de final. No terceiro torneio que, ainda, disputa este ano, largou em vantagem na disputa contra o Esporte Clube Bahia, pela Copa do Brasil.

 

Em suma, nos 10 jogos mais recentes do clube, o time comandando pelo técnico Cuca balançou as redes adversárias por 17 vezes. Por outro lado, sofreu apenas três gols, sendo que o último há mais de duas semanas. Dessa forma, após testes constantes, a equipe parece ter encontrado sua solidez defensiva, que pode está próxima de igualar um importante recorde.

A princípio, o sistema defensivo, iniciado pelo goleiro Everson, acumula quatro jogos sem ser vazado. Esse número pode aumentar na noite desta quarta-feira (4), no jogo de volta das oitavas de final da Copa BR. Caso termine a partida sem sofrer gols, o Atlético-MG alcançara um feito conquistado somente uma vez nos últimos 15 anos.

Isso porque, desde 2006, só em 2014, o Alvinegro passou cinco partidas sem ter a meta balançada. O plantel comandado pelo treinador Levir Culpi, em setembro daquele ano, duelou com Internacional, Palmeiras (duas vezes), Coritiba e Botafogo sem sofrer gols.

Já na temporada atual, o Galo enfrentou Boca Juniors, Bahia (duas vezes), e Athletico-PR, e manteve a invencibilidade.

“Não gera cobrança, eleva a autoestima, a satisfação de poder trabalhar e tomar poucos gols”, disse Cuquinha, auxiliar técnico do irmão Cuca.

Peça chave do sistema defensivo do Atlético-MG: Everson

A sólida fase defensiva do Atlético-MG tem na base o goleiro Everson, principal razão para a equipe estar isenta de levar gols. Nos últimos 10 confrontos, onde o Galo sofreu somente três tentos, o arqueiro chegou a um índice de 92% de bolas defendidas. Ao todo foram 33 defesas.

Com, no mínimo, três boas defesas contra o Bahia, no Mineirão, na última quarta-feira (28), Everson pode ampliar os seus números já nesta quarta. O Atlético-MG viaja até o Interior da Bahia, em Feira de Santana, para visitar o Bahia, no Estádio Joia da Princesa, às 21h30.

Por fim, o Alvinegro pode perder por até um gol de diferença que confirma a vaga na penúltima fase da Copa do Brasil. Dessa forma, caso se classifique, além da eliminação de um rival de Série A, adquire R$ 3,45 milhões de premiação pela classificação.

Deixe seu comentário!

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*