Bahia disputa com o Vasco a permanência na Série A, porém, ambos podem cair

Bahia e Vasco têm 37 pontos, porém, o Goiás ainda não está morto

Depois de praticamente concluída a 35ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série A, vai se desenhando seu contorno final ainda que na parte alta da tabela contrariando os campeonatos anteriores, onde era comum se conhecer o campeão com três ou quatro rodadas de antecedência, este no ano está aberto e indefinido, e promete fortes emoções até o seu final com a disputa pau a pau entre o Internacional de Porto Alegre que tenta conquistar o titulo após 42 anos e o Flamengo que corre atrás para beliscar o bicampeonato. Atlético Mineiro e São Paulo corriam por fora, no entanto, ambos empataram esta noite (Galo ficou no 0 a 0 com o Fluminense e o São Paulo ficou no 1 a 1 com o Ceará), portanto, o campeão dificilmente não será Internacional ou Flamengo apesar da enorme e conhecia imprevisibilidade do mundo do futebol.

 

Lá embaixo no depósito do piores, quase tudo quando não está definido, está bem encaminhado. O Botafogo já se despediu resignado na competição somando até agora 4 vitórias no universo de 35 jogos. Coritiba se não vencer o Santos na Vila Belmiro confirmará o seu retorno para Série B já no próximo sábado. O Goiás, ainda com toda resistência, está com um pé na cova, porém, não está morto e analisando a tabela da equipe goiana nessa reta final, não podemos apontar o time de Fernandão e companhia como já rebaixado, afinal, tem pela frente um jogo onde os 3 pontos são praticamente garantidos, diante do rebaixado Botafogo, em Goiânia. Portanto, se vencer e seus concorrentes (Vasco e Bahia) perderem, o Esmeraldino chegará na penúltima rodada com um ponto de distância para ambos, colocando ainda mais fogo na briga contra o rebaixamento.

Na atual rodada, os nordestinos Fortaleza e Sport deram um passo gigante para continuar desfraldando suas bandeiras na Série A. Destaque para o time pernambucano que venceu o Internacional por 2 a 1 no Estádio Beira-Rio, reagindo na hora certa ao emplacar duas vitórias consecutivas, ambas fora de casa que pode lhe proporcionaram a continuidade já na segunda-feira quando encara o Bragantino dentro de casa em um cenário hipotético de triunfo. A matemática ainda não é exata, contudo, as chances são enormes e um simples triunfo deve garantir a permanência do Leão. O mesmo acontece com o Fortaleza que venceu o Vasco da Gama por 3 a 0 na Arena Castelão, e agora enfrentará os reservas do Palmeiras, em São Paulo, antes do duelo contra o Bahia.

Portanto, podemos frisar que restam duas vagas na lista dos piores ainda em aberto, que estará reservada para Bahia, Vasco ou Goiás, dois dos três se juntarão a Coritiba e Botafogo. Bahia e Vasco somam cada um 37 pontos, com o Esquadrão na frente amparado pelo critério de desempate do número de triunfos. Faltam três jogos com o time vascaíno com dois compromissos dentro de casa (Internacional e Goiás), e sai para enfrentar o Corinthians que ainda luta por uma das vagas para a Libertadores.

Já o Tricolor terá dois jogos fora de casa e a sua pouca vocação para triunfar como mandante é um complicador. O tricolor de aço enfrentará Atlético Mineiro e Fortaleza fora, encerrando sua participação na Arena Fonte Nova contra o Santos, que poderá chegar na última rodada sonhando com Libertadores. Já o Goiás, que corre por fora, mas segue vivo, terá dois jogos seguidos em casa (Botafogo e Bragantino) e na última rodada encara o Vasco, que dependendo dos jogos anteriores, pode se tratar de um confronto de vida ou morte.

Deixe seu comentário!

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*