“Sul-Americana é uma grande oportunidade para dar um salto”, diz Mano

Bahia enfrenta o Melgar, do Peru, com o segundo jogo em Salvador

Foto: Felipe Oliveira / EC Bahia

A Copa Sul-Americana retorna na próxima semana nesta sexta-feira definiu os confrontos da segunda fase. O Esporte Clube Bahia enfrenta o Melgar, com o primeiro jogo na próxima quinta-feira, no Peru, e a partida de volta na Arena Fonte Nova, em novembro. O técnico Mano Menezes, em entrevista à Conmebol, falou sobre a possibilidade de disputar a competição continental. O treinador frisou que o Esquadrão vem se reestruturando e o torneio é uma grande oportunidade para dar um salto.

 

“O clube vem se reestruturando há alguns anos. Para confirmar essa reestruturação, tem que ter sucesso esportivo. E vejo na Sul-Americana uma grande oportunidade para dar um salto nesse sentido. Vamos com todas as forças que temos. Temos que cuidar do Brasileiro que é um campeonato difícil e ficamos para trás um pouco. Nos sentimos com essa responsabilidade e penso que o Bahia escolheu um treinador com trajetória para dar esse respaldo e confiança de que é possível avançar”, comentou Mano.

Mano também falou sobre o adversário e espera um confronto difícil. “Pela experiência que temos, sabemos que todos os adversários são difíceis. Técnicos e jogadores falam isso e pensam que falamos porque não queremos nos expor tanto. Mas é a realidade de uma competição dura, tanto Libertadores como Sul-Americana. O Melgar chegou, assim como o Bahia. Eles estão fazendo um campeonato mediano no seu país, então vem para fazer algo e nós temos que nos superar para passar por eles”, afirmou.

Melgar x Bahia: Definidas as datas dos jogos pela Sul-Americana

Deixe seu comentário

2 Comentário

  1. Tem um monte de torcedores da galinha de cana brava que vem opinião sobre o bahêa de forma negativa pra estimular raiva e ódio ao nosso time.
    Vai cuidar das galinhas de cana brava suas galinhas fujonas

  2. Mano Meneses não acrescentou nenhuma novidade, desejamos que se tranquilize dentro de campo, pois no vestiário coube realizar as substituições, que foram importante para o triunfo da partida contra o Atlético Mineiro, pelo Campeonato Brasileiro, deste modo demostra equilibro ausente do banco de reservas!

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*