Dinei celebra primeiros gols pelo Jacuipense e reclama da arbitragem

Foto: Renan Oliveira/E.C. Jacuipense

Na noite desta segunda-feira (28), o Esporte Clube Jacuipense ficou no empate em 3 a 3 com o Santa Cruz, no Estádio José do Rego Maciel, em Recife (PE), em duelo com duas viradas. O Leão do Sisal vencia por 3 a 2 até os 44 minutos do segundo tempo quando sofreu o empate. Com o resultado, o time baiano permaneceu na sexta colocação com 10 pontos, três pontos abaixo do G-4. O principal destaque da partida pelo lado baiano foi o atacante Dinei, autor de dois gols. O centroavante de 36 anos celebrou os primeiros gols marcados com a camisa do Leão Grená.

 

“A sensação é das melhores, poder marcar meus primeiros gols pelo Jacuipense. Estou muito feliz. Já estava ansioso em poder ajudar a equipe, que vem num momento bom. Agora é continuar trabalhando para marcar mais e poder ajudar a equipe com vitórias”, afirmou na entrevista coletiva.

Dinei elogiou a atuação da equipe e valorizou o ponto conquistado no Arruda, porém, reclamou da arbitragem, que (novamente) não assinalou um pênalti claríssimo para o Jacuipense, prejudicando o time baiano.

“Foi uma partida muito difícil. A equipe foi guerreira e batalhadora. Na minha opinião, merecíamos um resultado melhor que era a vitória. Infelizmente, mais uma vez fomos prejudicados com um pênalti não marcado. Foi um resultado importante, fora de casa, contra uma grande equipe. Agora, é descansar e focar no próximo adversário que é o Vila Nova, para que a gente possa conseguir os três pontos dentro de casa”, comentou.

Deixe seu comentário

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*