Prefeitura libera jogos com público no Rio de Janeiro a partir de 10 de julho

A medida foi publicada na sexta-feira, em edição extra no Diário Oficial

Além de ter se antecipado em relação aos outros estados, que seguem mantendo a cautela, e retomado o Campeonato Estadual em meio ao pico do coronavírus no Brasil, a Prefeitura do Rio de Janeiro liberou jogos com público nos estádios a partir do dia 10 de julho. A medida foi publicada na sexta-feira, em edição extra no Diário Oficial, às 23h17. Em um primeiro momento, os estádios vão poder receber 1/3 de sua capacidade, com distanciamento de e 4m² por pessoa e vendas online, segundo informação do portal Globoesporte. O Diário Oficial não trata nem do controle sobre esse distanciamento de 4m² por pessoa, nem explica como será realizada a troca de ingressos, após vendas online. No texto publicado no Diário Oficial, há observação de que este planejamento está sujeito a alterações.

 

“ABERTO COM RESTRIÇÕES: Centros de treinamentos esportivos abertos para treino, sem público, sendo vedado uso de sauna, piscina e banheira de hidromassagem. Competições esportivas com capacidade simultânea máxima de 1/3, sem ultrapassar a regra de 4m² por pessoa. Venda de ingressos somente online ou caixas de auto atendimento. Atividades de lazer e esporte em piscinas, vedado o compartilhamento de objetos.Clubes, associações, hipódromos, quadras de aluguel e congêneres abertos, vedado esportes de contato.Continuam fechados escolinhas de treinamento.Continuam vedados eventos em espaços fechados.”

No Maracanã, 1/3 da capacidade do estádio corresponde a 22 mil pessoas. Em São Januário, 7 mil torcedores. E no Nilton Santos, 14 mil. Ainda não há um protocolo definido, mas será obrigatório o uso de máscara de distanciamento social de quatro metros quadrados. Não haverá recomendação para medição de temperatura.

O Campeonato Carioca terá quatro jogos neste domingo para a conclusão da quarta rodada. Na quarta-feira, termina a fase de classificação de Taça Rio, quando serão definidos os semifinalistas da competição. Com a liberação, é possível que a decisão da Taça Rio, se for realizada no dia 12, seja disputada com público.

 

Comentários:

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*