Bahia triplicou o plano de sócios em dois anos e três meses

“Quando assumi o clube em 2017, a gente tinha 14 mil sócios", disse Bellintani

Em live promovida pelo grupo Simplesmente Bahia esta semana, o presidente Guilherme Bellintani destacou crescimento do plano de sócios do Esporte Clube Bahia nos últimos anos, saindo de 14 mil quando ele assumiu para 45 mil. No entanto, por conta da pandemia do coronavírus, muitos associados deixam de pagar a mensalidade. O mandatário detalhou a importância e o impacto do plano de sócios no orçamento do clube e destacou que a conquista aconteceu após o estatuto do Bahia em 2013, quando iniciou-se a democracia tricolor.

 

“Quando assumi o clube em 2017, a gente tinha 14 mil sócios e no momento antes da pandemia estávamos chegando a 45 mil. Nós triplicamos o plano de sócios em dois anos e três meses. Quando digo “nós”, trata-se da torcida inteira. Passando por Fernando Schmidt, na gestão de Marcelo Sant’Ana e Pedro Henriques houve uma organização maior sob o ponto de vista comercial. E agora, nessa gestão um verdadeiro crescimento no número de associações”.

“O orçamento projetado para o Bahia enviado para o Conselho Deliberativo esse ano foi de R$ 165 milhões, mas na prática era esperado atingir o mesmo de 2019 ou até crescer um pouco para R$ 180 milhões a R$ 200 milhões. Desse valor, 25% corresponde ao plano de sócios. Isso significa que o Bahia está no topo, entre os clubes da Série A, percentualmente falando entre os clubes que mais arrecadam com plano de sócios. Isso quer dizer que o plano de sócios do Bahia é mais do que como os outros clubes fazem. É mais do que sócio-torcedor. No Bahia, o sócio é dono do clube. Ele paga mensalidade para poder participar do dia-a-dia do clube, para votar, aprovar ou reprovar decisões da diretoria, participar de assembleias gerais. Enfim, é um cotista, um acionista do clube, é dono do Bahia. Essa conquista a gente teve com o estatuto do Bahia de 2013. Justamente por isso, o peso da contribuição do plano de sócios do Bahia é muito maior do que a média dos outros clubes. É muito bom, é uma grande conquista que tivemos”.

Presidente do Bahia quita o seu plano de sócio até o ano de 2031

Deixe seu comentário

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*