Governo de Santa Catarina nega retorno do futebol na próxima sexta-feira

Em nota oficial, o Governo do Estado de Santa Catarina formalizou na noite desta terça-feira (28) a resposta negativa ao pedido feito pela Federação Catarinense de Futebol (FCF) em conjunto com os clubes para a retomada do estadual. Na avaliação das autoridades estaduais de saúde, não é possível permitir as atividades por gerarem aglomeração e envolverem contato físico. O Campeonato Catarinense foi paralisado no dia 15 de março por conta da pandemia.

 

O governador Carlos Moisés entrou em contato com o presidente da FCF, Rubens Angelotti, e o presidente da Associação de Clubes de Futebol Profissional de Santa Catarina (SCclubes), Francisco Battistotti, para informar a decisão. Com a resposta negativa, não está permitida a retomada das atividades. A ideia dos clubes era reiniciar os treinamentos nesta sexta-feira (1) e retomar a disputa do estadual no dia 16 de maio.

“Na avaliação das autoridades estaduais de saúde, há impossibilidade de retomada das atividades coletivas, que gerem aglomeração ou contato físico, sob a alegação de que há risco iminente de propagação da Covid-19”, diz a nota oficial do Governo do Estado.

O Campeonato Catarinense teria terminado no último domingo caso o calendário tivesse sido cumprido. Restam seis datas para disputa de jogos das quartas de final, semifinais, final e mata-mata contra o rebaixamento. A nível nacional, o Campeonato Brasileiro também vive indefinição e não tem data confirmada para iniciar.

Comentários:

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*