Bellintani fala sobre entrega do Museu do Bahia: ‘Vai nos orgulhar muito’

Presidente prefere não crava data para entrega do museu

Anunciado em fevereiro de 2019 e contando com ajuda dos torcedores que fizeram doações e incentivos, finalmente o Museu do Esporte Clube Bahia na Arena Fonte Nova está perto de ser entregue. Inicialmente, a previsão era para dezembro do ano passado e depois foi adiado para fevereiro, porém, com a pandemia do coronavírus, a inauguração não tem prazo para acontecer. Em transmissão ao vivo pelo Instagram, o presidente Guilherme Bellintani garante que museu está pronto, faltando apenas “o último recurso, que vem da Lei de Incentivo à Cultura, a Lei Rouanet”. O mandatário afirmou que será um orgulho para o clube.

 

“O museu está pronto. Está tudo pronto, toda a parte de acervo. A gente está esperando só o último recurso, que vem da Lei de Incentivo à Cultura, a Lei Rouanet. Falta apenas o último embaraço, mas está tudo prontinho. Acreditamos que em breve o museu estará pronto (para visitação). Está muito legal. É um museu que vai nos orgulhar muito certamente. Eu não quero cravar data, porque ainda não depende de nós. Mas em breve estará pronto”, disse o presidente.

Os 263 tricolores que fizeram doações em dinheiro para a construção do museu foram homenageados no ano passado com um uniforme com o nome de cada um. Além da camisa, uma das recompensas foi ter uma estrela com o seu nome na parede do Museu por um período mínimo de cinco anos. Conforme anúncio da época, o museu conta com mais de mil peças e será localizado em um dos lugares mais privilegiados da Fonte Nova, a “ferradura”, com vista para o estádio e para o Dique e 1.200 m² de área de exposição.

 

Deixe seu comentário

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*