Bahia comemora 31 anos da conquista do título brasileiro de 1988

Esquadrão venceu o Internacional e conquistou a segunda estrela

Nesta quarta-feira, dia 19 de fevereiro, o Esporte Clube Bahia está comemorando 31 anos da conquista do título brasileiro de 1988. O Esquadrão, comandado pelo técnico Evaristo de Macedo, se classificou na primeira fase como 4º colocado do Grupo B e chegou na final após despachar Sport-PE e Fluminense nas fases de mata-mata. Nos primeiros 90 minutos, contra o Internacional, o tricolor baiano venceu por 2 a 1 na Fonte Nova, com dois gols anotados pelo maestro Bobô, enquanto Leomir fez o gol do Inter. Na partida de volta, no dia 19 de fevereiro de 1989, no Estádio Beira-Rio, em Porto Alegre (RS), o Bahia segurou o empate sem gols com grande atuação do goleiro Ronaldo.

 

FICHAS TÉCNICAS DAS FINAIS

15/02/1989 – Bahia 2×1 Internacional

Bahia: Ronaldo, Tarantini, João Marcelo, Claudir e Edinho; Paulo Rodrigues, Zé Carlos e Bobô; Osmar, Charles e Marquinhos. Técnico: Evaristo de Macedo

Internacional: Taffarel, Luiz Carlos (Diego Aguirre), Aguirregaray, Nenê e João Luís; Norberto, Luís Carlos Martins e Leomir; Maurício (Hêider), Nilson e Edu. Técnico: Abel Braga

19/02/1989 – Internacional 0x0 Bahia

Internacional: Taffarel, Luís Carlos Winck, Norton, Aguirregaray e Casemiro; Norberto, Luís Fernando e Luís Carlos Martins; Maurício (Hêider), Nilson e Edu (Diego Aguirre). Técnico: Abel Braga.

Bahia: Ronaldo, Tarantini, João Marcelo, Claudir (Newmar) e Paulo Róbson; Paulo Rodrigues, Gil Sergipano, Zé Carlos e Bobô (Osmar); Charles e Marquinhos. Técnico: Evaristo de Macedo.

Deixe seu comentário

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*