Recusa do técnico Tite causa a fúria dos apoiadores de Bolsonaro

Tite e Marquinhos fizeram muito bem.

O técnico Tite optou por não “bater continência” para o ex-deputado federal e hoje presidente da Republica Jair Bolsonaro após a conquista da Copa América pelo Brasil ontem à noite ao vencer o Peru por 3 x 1 no Estádio do Maracanã quando foram entregues as medalhas aos jogadores. Demonstrando contrariedade, o técnico fez o possível para evitar qualquer interação com o capitão reformado.

Na coletiva após o jogo Tite foi questionado se tinha ficado constrangido por receber a medalha das mãos de Bolsonaro. Ele fugiu do tema novamente: “Não quero falar disso. É futebol. Por favor, vamos falar de futebol”.

Ponto, a recusa do treinador foi o suficiente para desencadear a já conhecida pistolagens ou milícia virtual que quase que imediatamente entrou em ação, seja de corpo presente ou através dos disparos via robôs para fritar o atual treinador da Seleção Brasileira, aliás, se mantido os procedimentos pode até perder o cargo como aconteceu com jornalistas que não rezam na mesma cartilha dos eleitores do atual presidente.

Neste momento, a hashtag #ForaTite e está entre as mais comentadas do país. Até o início da tarde desta segunda, mais de 12 mil menções sobre o tema constavam na rede social de apoiadores de Bolsonaro e ai vale tudo de ofensas pessoais até os ataques a dignidade.

No entanto, houve quem apoiasse a decisão não tão somente do técnico como também do zagueiro Marquinho, é o caso do jornalista Paulo Moreira Leite que garante que gestos dessa natureza são raros em qualquer país, ainda mais numa conjuntura política carregada de incertezas. Expõem indivíduos, podem gerar perseguição e até coisa maior. Basta pensar na promiscuidade reinante entre os cartolas da CBF e o governo federal para reconhecer o valor dessa atitude.

Numa conjuntura como a atual, o gesto de Tite e Marquinhos tem o valor único das atitudes que confortam a cidadania, reafirmam valores de um povo e mostram a importância de manter-se de pé quando o estímulo para ficar de cocoras está em toda parte.

Tite e Marquinhos deixaram claro que ali, naquele gramado do Maracanã, havia uma linha que separa a dignidade e a indecência e decidiu que não iriam atravessá-la. Fizeram muito bem.

Deixe seu comentário

4 Comentário

  1. Em primeiro lugar: Tite tem o direito de não ser efusivo com atual presidente do Brasil, tem o direito inclusive de visitar Lulalá o presidiário cachaceiro em Curitiba.

    Em Segundo lugar: A minoria dos presentes tem o direito de vaiar (ao passo que ou não sabe pelo que lutam, ou defendem partidos corruptos).

    Sabe por que? POR QUE VIVEMOS NUMA DEMOCRACIA!
    Opa! Não era Bolsonaro o ditador?! Cadê os que vaiaram? Tiveram pena de morte?
    E a GLOBO pôde falar acerca das “vaias” livremente sem Censura? Não era Bolsonaro que iria censurar tudo?! (EM QUE PESE, a “Regulamentação (censura) da Mídia” ter estado nos planos de HADDAD/LULA)

    Podem falar o que for! BOLSONARO TEM FEITO EM POUCOS MESES O QUE COLLOR, FHC, LULA, DILMA E TEMER NÃO FIZERAM NOS SEUS MANDATOS!

  2. Boa porcaria é o tituluzinho de merda que essa bosta da seleção da CBF ganhou prá que os babacas daqui ficar dando ibope a Tite carniça e Marquinhos por ter esnobado o presidente; primeiro o safado do Tite é pior do que Bolsonaro por que é boneco da CBf e contrata e escala quem os empresários querem, patriotismo quem tinha era o falecido Telê, pois quando foi convidado para dirigir a seleção ele disse que só aceitaria se ele convocasse e escalasse, Falcão fez o mesmo, aí ficam esses idiotas soltando foguete para uma seleção corrupta enganados pela CBF, o tal do Marquinho se fosse patriota jogava aqui no Brasil e sofria junto com o povo brasileiro, agora fica aí tirando onda. Todos esses safados são mercenários e capitalista sem nenhum apego ou paixão pelo Brasil. Outra coisa é esse blog se aproveitando do espaço para fazer campanha política. Aqui para falar só de esporte ou Futebol como diz o título e baiano. Bandeira política de esquerda, direita, centro ou que for deve ser vista apenas na TV Congresso para aqueles que gostam, porque a coisa mais repugnante é notícias políticas quando na realidade nenhum político é sério ou se preocupa com o povo brasileiro.

  3. Affs Pq todo jornalista é de esquerda? O homem é o presidente, tinha que está lá sim. Olha que nem votei nele. Vergonha essa ‘mídia’ baiana. #bbmp

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*