Ex-Bahia festeja acesso e prêmio de melhor jogador da 2ª divisão da Coreia

Cria das divisões de base do Bahia, onde teve um início até promissor, mas acabou não se firmando, muitas vezes contestado pela torcida, deixando o clube, o meia Rômulo – um dos destaques do Busan I Park – foi eleito o melhor jogador do K-League Challenge, segunda divisão do futebol coreano, em 2018. Líder de assistências da competição, com 10 passes para gol, o atleta foi peça fundamental na campanha de acesso do seu time à elite do futebol coreano. Ele comemorou o acesso e já pensa em 2019.

“Esse ano, mais uma vez, foi muito bom para mim. Estou muito feliz aqui na Ásia e na Coreia do Sul. O futebol coreano me fez muito bem. Evoluí bastante desde que cheguei aqui. Vou trabalhar muito para continuar melhorando meu rendimento em campo nas próximas temporadas. Espero ficar no futebol asiático por muito tempo. Estamos de férias, mas já com a cabeça lá em 2019. Tenho certeza que teremos um elenco forte, competitivo, para brigarmos por títulos no ano que vem. Vamos lutar muito para fazer história em 2019”, disse.

Rômulo teve um início até promissor no Bahia em 2014. Foi titular e campeão baiano em 2015 e convocado para o Pan-Americano de Toronto, no Canadá. No entanto, não se firmou e acabou entrando na lista de jogadores contestados pela torcida. Inicialmente foi emprestado ao Bragantino, porém, não foi utilizado em nenhuma partida. Retornou do empréstimo antes da data prevista e novamente foi emprestado, agora para Busan I’Park, clube na 2ª divisão da Coréia do Sul onde encontrou seu melhor futebol.



Para ter Ramires, Corinthians cogita operação com clube europeu, diz Site

Deixe seu comentário