Vitória inicia preparativos para estreia no Brasileiro de Aspirantes

O Esporte Clube Vitória estréia no 2º Campeonato Brasileiro de Aspirante no dia 13 de Junho atuando contra o Avai em jogo agendado para o Estádio Manoel Barradas Carneiro. O torneio é promovido pela Confederação Brasileira de Futebol.

O ex-zagueiro do clube, Flávio Tanajura, assistente técnico do time profissional, será o coordenador geral da comissão do Sub-23, que contará ainda com o treinador João Burse, assistente técnico Marcos Carvalho, preparador físico Lucas Penha e o preparador de goleiros Washington Rufino.

Nas quatro primeiras rodadas, os adversários do Vitória estão confirmados: Avaí-SC, Santos-SP, Chapecoense-SC e Figueirense-SC. O complemento da tabela ainda será divulgado pela CBF.

Para a competição, o Vitória utilizará alguns jogadores que estão integrados ao time profissional, a exemplo do goleiro Diego Washington, o zagueiro Léo Xavier, volante Léo Gomes e o atacante Eron e Luan, também do grupo profissional, que serão disponibilizados sempre que não estiverem sendo utilizados pelo treinador Vagner Mancini.

O CAMPEONATO



Restrito à categoria Sub-23, o Campeonato Brasileiro permite a utilização de quatro atletas (um goleiro e três de linha) com idade superior a 23 anos, e oito atletas nascidos a partir de 1999.

Serão quatro fases até a decisão do título. Na primeira, os 16 clubes formarão dois grupos de oito cada, onde enfrentarão os times do grupo oposto em turno único. Quatro times avançam em cada grupo.

Os oito classificados formarão dois grupos na segunda fase, com os times se enfrentando dentro do próprio grupo, no sistema de turno e returno. O dois primeiros de cada grupo serão classificados. As semifinais serão no sistema eliminatório de mata-mata.

O regulamento estabelece que, em caso de empate por pontos ganhos entre dois ou mais clubes ao final da primeira e segunda fases, em cada grupo, o desempate será efetuado obedecendo-se os seguintes critérios: 1º) maior número de vitórias; 2º) maior saldo de gols; 3º) maior número de gols pró; 4º) menor número de cartões vermelhos recebidos; 5º) menor número de cartões amarelos recebidos; e 6º) sorteio.

Para terceira e quarta fases, em caso de empate em pontos ganhos, os critérios estabelecidos para o desempate: 1º) maior saldo de gols e 2º) cobrança de pênaltis.

OS CLUBES

Grupo A

VITÓRIA

Grêmio-RS

Atlético-PR

São Paulo-SP

Atlético-GO

Goiás-GO

América-MG

Deixe seu comentário

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*