Jogadores do Bahia criticam estado do gramado do Adauto Moraes

O lateral Léo, o volante Elton e o atacante Edigar fizeram críticas

Mesmo não praticando um bom futebol, o Esporte Clube Bahia venceu neste domingo a Juazeirense, no estádio Adauto Moraes, em Juazeiro. Porém, os jogadores do tricolor saíram na bronca com o estado do gramado. Segundo os atletas, os buracos impediram a prática do futebol e obrigaram o time a jogar pelo alto já que a bola não rolava. E foi assim que nasceu os dois gols do Esquadrão, com jogadas de bola aérea (Júnior Gaúcho, contra e Júnior Brumado de cabeça). O lateral Léo Pelé, o volante Elton e o atacante Edigar Junio fizeram críticas ao gramado.

“No Londrina e no Fluminense treinava muito isso (lateral longo). Sabemos que essa bola, uma confusão na área, foi até gol contra. Muito difícil jogar aqui, bola no chão, muitos buracos, então tentei pelo alto. Graças a deus saiu o gol de lateral. Trabalho essa jogada para chegar aqui e dar assistência”, comentou o lateral-esquerdo Léo.

“O primeiro tempo, pontuar o campo muito ruim, bola fica muito viva. E a gente não estava pressionando zagueiros deles, meias estavam achando o passe. Segundo tempo o Guto pediu para marcar em cima, e eles começaram a dar balão”, analisou o volante Elton.

“Acha que a gente teve um pouco de dificuldade pelo campo, mas não temos que levar isso em consideração. Independente das adversidades temos que levar bom futebol. Agora, tem que perguntar ao torcedor se ele prefere que a gente jogue bonito e perca ou que jogue feio e ganhe”, afirmou o atacante Edigar Junio.

Veja os gols do Bahia na virada em cima da Juazeirense

Comentários:

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*