Técnico do Vitória elogia estreias de laterais e defende criticado Neílton

"Neilton acabou sendo o pêndulo" disse Vagner Mancini

O Esporte Clube Vitória iniciou 2018 da mesma forma que terminou 2017 – quando se trata de jogos fora do seu cercado – dando aulas, proferindo palestras e oferecendo cursos em dois módulos avançados nesta especialidade de “desrespeito” à casa alheia. Na noite desta terça-feira (16), como já era esperado, o Leão não precisou de muito esforço para vencer o modesto Globo-RN, pelo placar de 2 a 1, no estádio Barrettão, na cidade de Ceará-Mirim.

Após a partida, o técnico Vagner Mancini se mostrou satisfeito com desempenho do time e disse que a postura no 2° tempo chamou sua atenção. O comandante ainda elogiou as estreias do lateral-direito Lucas e do lateral-esquerdo Bryan. Em relação as críticas proferidas ao atacante Neílton, que terminou o ano contestado pela torcida, o treinador defendeu.  “Neilton acabou sendo o pêndulo”.

Veja as falas do treinador pós-jogo

“Eu acho que foi bom. O primeiro jogo do ano, a gente sabia que o time poderia ser superior, mas as oscilações aconteceram por você ter nove dias de treinamento. Lógico que o time tem um lastro, com oito, nove atletas que jogaram em 2017, mas o Globo exigiu da gente. O Vitória começou bem a partida, fez 1 a 0, depois deu espaço, sofreu o empate. No segundo tempo o Vitória mandou em campo”

“A gente vem de sequência importante de vitórias fora de casa, e o time mostrou que pode dar sequência a isso esse ano também. E você tem que sair para o jogo mesmo, levar o jogo de acordo com nossa expectativa. O Vitória fez durante uns 60, 70 minutos tudo que tinha que fazer também. Mas também bobeou”

“Acho que foram muito bem. O Lucas muito bem no primeiro tempo, o Bryam durante todo o jogo. Em alguns momentos oscilaram porque sabemos que o lastro do atleta não pode ser visto nessa parte do ano. Me chamou atenção a postura da equipe no segundo tempo, não só a participação dos laterais, mas dos extremos também”

“O Neilton acabou sendo o pêndulo. No primeiro tempo jogou mais pelo lado direito, e na segunda etapa acabou mais no lado esquerdo e foi o diferencial porque é um atleta que joga curto e enfia as bolas. O time hoje mostrou algumas coisas boas e outras que nós vamos ter que consertar”

Mais problemas! Lateral pode entrar para lista de desfalques do Vitória

Deixe seu comentário

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*