Allione alerta o Bahia sobre o Santos e freia empolgação do time

"Se a gente não ganhar continua na briga pela Sul-Americana", disse.

Mesmo fora da briga pelo título brasileiro que deve ser conquistado pelo Corinthians na quarta-feira, o Santos, próximo adversário do Bahia, ainda busca se firmar entre os 4 primeiros colocados que garantem vaga direta na Libertadores. Para o meia Allione, o jogo não será nada fácil, apesar das chances quase nulas de título por parte do time santista.

“A gente sabe da qualidade do time deles. Não é à toa que estão na parte de cima da tabela. Nós estamos nos preparando como sempre para receber um time difícil, que joga muito com a bola no pé. A gente vai tentar tirar a bola deles e comandar o jogo. Para a gente que joga com a bola no pé é melhor um time que sai mais que uma equipe que está retrancada. Mas estamos nos preparando para qualquer que seja o jeito deles.”

O argentino tratou de alertar o Bahia sobre as qualidades e forma de jogo do Peixe e freou a empolgação da equipe com a possibilidade de garantir vaga na Libertadores. “Claro que a gente faz projeções, mas isso não quer dizer que a gente se empolgue com os jogos. Se ganhar, vai ter mais chances, mas se a gente não ganhar continua na briga pela Sul-Americana”, destacou.

Com 46 pontos na 9ª posição, o Bahia está 4 pontos atrás do Flamengo, sétimo colocado e primeiro clube na zona de classificação para a competição continental. O Tricolor enfrenta o Santos nesta quinta-feira, na Arena Fonte Nova.