Opinião: Primeira atitude de Carpegiani é afastar Régis

Acho que a primeira atitude do o novo treinador do Esporte Clube Bahia, Paulo César Carpegiani, junto com a diretoria, é ENCOSTAR o meia Régis, apontado como principal responsável por derrubar dois treinadores (Jorginho e Preto) fazendo seu corpo mole. O meu nível de raiva está tão elevado que eu não consigo assistir um jogo sequer com ele em campo. Lamentável. Já está na hora também de tirar Rodrigão do time. Totalmente fora de forma, atrapalha mais do que ajuda.

Do meio para frente jogaria com:

– Edson (Cabeça de área)

– Renê Junior (Mais liberdade pra ele jogar)

– Juninho

– Mendonza (Ajudar mais na marcação com a subida de Renê)

– Edigar Junio

– Zé Rafael

Deixaria Régis para substituir um dos atacantes (Mendoza ou Zé Rafael) já que jogando centralizado não está produzindo absolutamente nada.

Torres, torcedor do Bahia e amigo do BLOG.