Presa fácil, Bahia é dominado pelo Athletico, perde mais uma e aumenta jejum

Com a derrota, o Esquadrão chega a quatro jogos seguidos sem vencer na Série A.

Foto: José Tramontin/athletico.com.br

No meio da semana, o Esporte Clube Bahia fez um grande jogo diante do Grêmio, empatando por 1 a 1 em Porto Alegre, mas acabou eliminado nos pênaltis da Copa do Brasil. Logo após o confronto disputado, os jogadores do Esquadrão destacaram que era ‘preciso manter o mesmo espírito na Série A’. Mas não foi isso que vimos neste domingo (16), na Arena da Baixada. Jogando um futebol apático e sendo uma presa fácil, o Tricolor foi derrotado pelo Athletico-PR por 2 a 0, placar que ficou barato pelas inúmeras chances desperdiçadas pelo Furacão.

 

Com a derrota, o Esquadrão chega a quatro jogos seguidos sem vencer na Série A (três derrotas e um empate) e segue na portaria do Z-4, em 16º, com 13 pontos, dois pontos acima do Goiás, que abre a zona de rebaixamento e ainda entra em campo na rodada. Já o Athletico-PR chegou aos 23 pontos e saltou para o 8º lugar, encostando no G-6.

O primeiro tempo não teve muitas emoções, e o Athletico-PR nem precisou de muito para abrir um placar confortável diante do Bahia, que não existiu em campo. O Furacão abriu o placar aos 23 minutos com Vitor Roque, aproveitamento cruzamento de Khellven e tocando de primeira. Em jogada semelhante, os donos da casa ampliaram, novamente com o lateral-direito Khellven cruzando e agora Erick subindo no meio da defesa tricolor para tocar de cabeça no canto esquerdo de Marcos Felipe. Vitor Roque ainda teve outras duas chances. Já o Bahia teve duas finalizações de mais perigo, de Everaldo e Lucas Mugni, que Bento defendeu.

No segundo tempo, o Bahia seguiu inexistente em campo, sem levar perigo ao Athletico-PR e sofrendo horrores com o ataque do Furacão, especialmente com o jovem Vitor Roque, que teve várias chances de transformar o placar em goleada, uma delas parando em grande defesa de Marcos Felipe, que também fez um milagre cara a cara com Christian, evitando um massacre do Furacão. O Tricolor só chegou pelo alto em cabeçada de Cauly e em finalização de Thaciano, mas de resto, nada fez em campo.

Agora o Esporte Clube Bahia terá a semana inteira livre para se preparar visando o próximo jogo, contra o Corinthians, no sábado (22), às 18h30, na Arena Fonte Nova. O duelo é válido pela 16ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série A. Já o Athletico-PR volta a campo no próximo domingo (23), diante do Vasco da Gama, às 18h30, no Estádio de São Januário.

JOGOS DA 15ª RODADA DA SÉRIE A

SÁBADO, 15/07
21h00 – Botafogo 2 x 0 RB Bragantino

DOMINGO, 16/07
11h00 – Cruzeiro 0 x 0 Coritiba
16h00 – Fluminense 0 x 0 Flamengo
16h00 – São Paulo 4 x 1 Santos
16h00 – Fortaleza 0 x 1 Cuiabá
18h30 – Internacional 0 x 0 Palmeiras
18h30 – Athletico-PR 2 x 0 Bahia

SEGUNDA, 17/07
20h00 – Goiás x Atlético-MG

ADIADOS
Corinthians x Grêmio
América-MG x Vasco

Autor(a)

Fellipe Amaral

Administrador e colunista do site Futebol Bahiano. Contato: futebolbahiano2007@gmail.com

Deixe seu comentário