Com um a mais, Bahia perde para o Cruzeiro e cai para 4º na Série B

Na sequência da competição, o Esporte Clube Bahia enfrenta o Náutico

Foto: Fernando Moreno/AGIF

Em duelo de dois candidatos ao acesso, e duas das melhores defesas do Campeonato Brasileiro da Série B, Bahia e Cruzeiro se reencontraram na tarde deste sábado (23) no Estádio do Mineirão, pela primeira rodada do returno, se no primeiro turno o Tricolor levou venceu por 2 a 0 na Fonte Nova com dois gols de Vitor Jacaré, desta vez, quem levou a melhor foi a Raposa, que mesmo jogando com um jogador a menos, devido expulsão de Eduardo Brock, derrotou o Esquadrão por 1 a 0, com gol de Stênio, aos 21 minutos do segundo tempo, resultado esse que quebra a sequência de cinco jogos sem perder do time baiano sob o comando de Enderson Moreira e mantém os 100% de aproveitamento da equipe mineira em casa na Segundona.

 

Com o revés, o Esporte Clube Bahia caiu para a 4ª colocação, com 34 pontos, seis acima do Sampaio Corrêa (5º colocado), sendo ultrapassado pelo Grêmio, que venceu a Ponte Preta por 2 a 1 em Porto Alegre e contabilizando 36 pontos. Além disso, o Esquadrão precisa secar o Tombense, que pode chegar aos 31 pontos caso vença o Operário fora de casa. Já o Cruzeiro alcançou os 45 minutos e segue disparado na liderança, nove pontos de distância para o vice-líder.

O jogo começou com um leve domínio do Cruzeiro, que chegou com mais perigo, principalmente com Bruno Rodrigues. Porém, aos poucos, o Bahia foi equilibrando as ações e dentro da estratégia, apostou nos contra-ataques para tentar surpreender a Raposa. O atacante Raí teve as melhores chances, em uma delas parando em boa defesa de Rafael Cabral, mas não conseguiu abrir o placar.

No segundo tempo, o jogo seguiu movimentado, com chances dos dois lados, mas com o Cruzeiro mais agressivo, e Danilo Fernandes começou a trabalhar mais. Contudo, aos 18 minutos, a Raposa ficou com um a menos devido expulsão de Eduardo Brock, que fez falta em Copete, último homem, e levou o vermelho direto. Mesmo com um menos, o time mineiro seguiu pressionando e aos 21, após duas defesas de Danilo Fernandes, Stênio aproveitou o rebote e abriu o placar. Aos 26, Davó teve uma chance clara, mas praticamente recuou para o goleiro. Rodallega também tentou, mas esbarrou no arqueiro celeste e aos 47 mandou um chutaço no travessão. Aos 50, em cabeçada a queima roupa de Luiz Otávio, Rafael Cabral fez novo milagre e garantiu os 3 pontos da Raposa.

Na sequência da competição, o Esporte Clube Bahia enfrenta o Náutico, na próxima sexta-feira (29), às 19h, na Arena Fonte Nova, pela 21ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série B. Já o Cruzeiro visita o Brusque no próximo sábado (30), às 11h, no Estádio Augusto Bauer, em Santa Catarina.

FICHA TÉCNICA
CRUZEIRO 1 X 0 BAHIA
BRASILEIRO DA SÉRIE B – 20ª RODADA

LOCAL: Mineirão, em Belo Horizonte
DATA E HORA: 20/07/2022 (sábado), 16h
Árbitro: Luiz Flávio de Oliveira (FIFA-SP)
Assistentes: Daniel Luis Marques e Evandro de Melo Lima (ambos de SP)
VAR: Rafael Traci (SC)

GOL: Stênio (Cruzeiro)

CRUZEIRO
Rafael Cabral; Geovane Jesus, Zé Ivaldo, Eduardo Brock e Matheus Bidu; Filipe Machado, Pablo Siles, Neto Moura e Bruno Rodrigues; Luvannor e Edu. Técnico: Martin Varini.

BAHIA
Danilo Fernandes; Gabriel Xavier, Didi e Luiz Otávio; André, Rezende, Lucas Mugni, Daniel e Matheus Bahia; Raí e Matheus Davó. Técnico: Enderson Moreira.

Autor(a)

Fellipe Costa

Administrador e colunista do site Futebol Bahiano. Contato: futebolbahiano2007@gmail.com

Deixe seu comentário