Wagner Lopes admite que Vitória não jogou bem e valoriza ponto fora de casa

Wagner Lopes, entrevistado após o jogo, procurou valorizar o ponto conquistado

FOTO: Ascom/ECV

O Esporte Clube Vitória ficou apenas no empate sem gols com o Brusque, no Estádio Augusto Bauer, pela 24ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série B. Com o resultado, o Leão segue na 17ª colocação com 24 pontos, dois pontos abaixo de Vila Nova e Ponte Preta. O técnico Wagner Lopes, entrevistado após o jogo, procurou valorizar o ponto conquistado, argumentando que o gramado estava impraticável em virtude da chuva, além disso, admitiu que o time não jogou bem.

 

“Eu acho que nós não fizemos um jogo bom, nós demoramos para fazer a leitura do campo, a bola não rolava. Muitos raios. Eu até falei com a arbitragem se era melhor parar o jogo, porque eu tenho uma história particular com raio que é muito triste. Nós sofremos, em alguns momentos eles criaram oportunidades, tiveram duas bolas na trave. Nós tivemos chance também de fazer gol. Infelizmente, a bola do Cedric não foi no gol. Mas a gente tem que valorizar muito esse ponto. Porque mesmo fora de casa, não jogando bem, com campo impraticável. Infelizmente, a bola não rolava. Mesmo assim, não tomamos gol. Isso é muito importante, valoriza o trabalho dos meninos que estão entrando”, disse treinador.

Wagner Lopes destacou o empenho dos jogadores. “Dadas as circunstâncias, a gente precisa valorizar esse ponto, porque fora de casa, campeonato de Série B é muito complicado. Não teve falta de vontade. Nós lutamos, guerreamos, os jogadores foram aguerridos. Esse ponto é importante levar para casa”, enfatizou.

Na sequência da competição, o Vitória enfrenta o líder Coritiba na próxima quarta-feira (22), às 19h, no Estádio Manoel Barradas, pela 25ª rodada. A programação marca a reapresentação para domingo, pela manhã, no Centro de Treinamento Manoel Pontes Tanajura. A equipe treinará ainda na segunda e terça-feira, pela manhã, e Wagner avaliará com sua comissão a situação dos jogadores que estão saindo do departamento médico.

 

Deixe seu comentário!

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*