STJD rejeição ação, e clubes tentam adiar a 21ª rodada da Série A

O presidente do STJD, Otávio Noronha, negou nesta terça o pedido de intervenção

Nesta terça-feira, o Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) rejeitou a ação movida por 17 clubes contra o Flamengo para impedir a presença de público em jogos do time carioca. Insatisfeitos com a decisão, os clubes querem adiar a 21ª rodada rodada do Campeonato Brasileiro da Série A, segundo informação publicada inicialmente pelo UOL. A intenção desses clubes, inclusive, é de não irem a campo, não viajarem, para a rodada do próximo fim de semana.

 

O presidente do STJD, Otávio Noronha, negou nesta terça o pedido de intervenção de 17 clubes da Série A – Atlético-MG e Cuiabá não assinaram – para revogar a liminar que liberou a presença de público nos jogos do Flamengo em competições nacionais. A mobilização põe em choque definitivo os 19 clubes da Série A contra o Flamengo, que se movimenta há tempos para liberar público nos estádios.

“O presidente do Superior Tribunal de Justiça Desportiva do Futebol, Otávio Noronha, deferiu o pedido de intervenção dos 17 clubes da Série A para atuarem como terceiros interessados na Medida Inominada do Flamengo e indeferiu o pedido de reconsideração para revogar a liminar que liberou a presença de público nos jogos do clube carioca em competições nacionais. A decisão foi liberada na noite desta terça, dia 14 de setembro. A decisão será encaminhada para vista da Procuradoria e CBF e, em seguida, a Medida Inominada será inserida na pauta de julgamentos do Pleno.”

Clique aqui e confira o despacho do presidente do STJD do Futebol

 

Deixe seu comentário!

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*