Lateral do Vitória não joga a toalha na Copa do Brasil: “Não é impossível”

"Se é para morrer, vamos morrer atirando”, disse em entrevista ao SporTV.

Foto: Pietro Carpi / ECVitória

O Esporte Clube Vitória largou com desvantagem nas oitavas de final da Copa do Brasil. Na noite desta terça-feira, o Leão bastante desfalcado foi derrotado por 3 a 0 pelo Grêmio, no Estádio Manoel Barradas. Os gols foram marcados por Ricardinho, aos 30 minutos do 1º tempo, em lance duvidoso em que o VAR demorou 8 minutos analisando, Léo Pereira, aos 8 da etapa final, e Diogo Barbosa já nos acréscimos. O jogo de volta será na próxima terça (03), às 19h, na Arena do Grêmio. O Rubro-Negro precisa vencer por quatro gols de diferença para avançar ou por três gols de para decidir nos pênaltis.

 

“Não tem muita conversa, vai ter o jogo de volta, está complicado, mas não impossível. Enquanto estiver chance, vamos acreditar. É ir para arriscar lá, já vamos baleado. Se é para morrer, vamos morrer atirando”, disse em entrevista ao SporTV.

O Vitória volta a campo no sábado (31), para enfrentar o Avaí, às 16h30, no Barradão, pela 15ª rodada da Série B.

Comentários:

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*