Hernane Brocador cobra R$ 2,4 milhões do Sport-PE na Justiça

O Sport, por sua vez, ainda não foi notificado da ação

Foto - Anderson Stevens / Sport-PE

Atualmente defendendo o Confiança, centroavante Hernane Brocador acionou o Sport na Justiça cobrando R$ 2.460.920,00, entre os valores devidos, FGTS e indenização por rescisão. O jogador deixou a Ilha do Retiro há pouco mais de duas semanas, transferindo-se em definitivo para o Confiança, na Série B. O Sport, por sua vez, ainda não foi notificado da ação. É o que diz o atual vice-presidente jurídico do clube, Arthur Falcão – que está em processo de transição para a nova diretoria.

 

Na Ilha do Retiro entre 2018 e o início de 2021, Brocador fez 99 partidas e marcou 32 gols. Tornou-se artilheiro da equipe duas vezes, em 2019 e 2020. E antes disso também passou pelo clube em 2015, com quatro gols e 17 jogos pela Série A. Mas o respeito do clube vai além dos números.

Natural de Bom Jesus da Lapa, na Bahia, Hernane acumula passagens por Garulhos, Atibaia, São Paulo, Rio Preto, Toledo, Catanduvense, Paulista, Paraná, Mogi Mirim, mas foi no Flamengo seu melhor momento, sendo o maior artilheiro do futebol brasileiro no ano de 2013 marcando 36 gols em 58 jogos. Foi vendido ao Al Nassr da Arábia em 2014, mas não demorou por lá. Retornou ao Brasil para defender o Sport-PE e em 2016 acertou com o Bahia. No total em 3 anos de tricolor, foram 71 jogos e 31 gols anotados. Deixou o Esquadrão para defender o Grêmio em 2018, mas não se firmou por lá e retornou ao Sport-PE. Antes disso, também passou pelo clube pernambucano em 2015. Ao todo, foram 116 jogos e 36 gols marcados pelo Sport.

Autor(a)

Fellipe Costa

Administrador e colunista do site Futebol Bahiano. Contato: [email protected]

Deixe seu comentário