Buscando reduzir a folha, adversário do Bahia demite executivo de futebol

a saída de Nei Pandolfo é uma nova tentativa de recuperar o equilíbrio financeiro

Foto - Anderson Stevens/Sport

Atravessando dificuldades financeiras após um período conturbado administrativamente, semelhante ao vivenciado o Esporte Clube Vitória nos últimos tempos, o Sport-PE, próximo adversário do Bahia, comunicou através do seu site oficial o desligamento do executivo de futebol Nei Pandolfo. O profissional passou pelo Bahia no período 2015 a 2017 para ocupar o cargo antes pertencente a Alexandre Faria. Diego Cerri assumiu a direção do departamento de futebol na ocasião.

 

Ainda segundo a nota do time pernambucano, a saída de Nei Pandolfo é uma nova tentativa de recuperar o equilíbrio financeiro. Antes dele, o clube pelo mesmo motivo, acertou as saídas do goleiro Luan Polli, do lateral-esquerdo Júnior Tavares, do volante Ricardinho e do atacante Maxwell.

Bahia e Sport duelam no próximo domingo, às 18h15, no Estádio de Pituaçu. O Esquadrão chega pressionado com três derrotas em sequência no Brasileirão (São Paulo, Flamengo e Atlético-MG), sofrendo 9 gols e não marcando nenhum, mas ainda assim ocupa o 9º lugar com 17 pontos. Já o time pernambucano vem de um empate sem gols com o Ceará e aparece no 16º lugar, com 11 pontos.

 

Comentários:

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*