Copa do Nordeste: Gilberto é o artilheiro; Atacante do Vitória a revelação

O goleiro Matheus Teixeira foi eleito o melhor jogador da final

Neste sábado, aconteceu a grande final da Copa do Nordeste. Antes do jogo, a banda Barões da Pisadinha comandou o início da festa na Arena Castelão. Quando a bola rolou, Bahia e Ceará fizeram uma partida emocionante, mas com gols apenas no segundo tempo. O Esquadrão chegou a abrir 2 a 0 com Rodriguinho e Gilberto, e estava colocando a mão na taça no tempo normal, até que Jael tentou estragar a festa marcando de cabeça e levando a decisão para os pênaltis. Mas aí apareceu novamente Matheus Teixeira, e o Tricolor venceu por 4 a 2, e sagrou-se tetracampeão do Nordeste.

 

O goleiro Matheus Teixeira foi eleito o melhor jogador da final, enquanto o atacante Gilberto com 8 gols em 10 jogos terminou como artilheiro isolado da competição. Na edição de 2019, o camisa 9 tricolor também foi o artilheiro, com 8 gols, mas empatado com Júnior Santos, do Fortaleza.

O atacante Samuel, do Vitória, foi escolhido o “Cabra Revelação”. Com apenas 20 anos, o atacante disputou todos os jogos do Leão na Copa do Nordeste, até o time ser eliminado pelo Ceará na semifinal. Ele marcou cinco gols no Nordestão e ficou em terceiro lugar na artilharia do torneio, atrás apenas de Gilberto (Bahia) e Delatorre (CSA), com sete e seis gols respectivamente.

A “Celebração Porreta” foi escolhida pelo público e avaliou a performance de cada jogador na hora da comemoração dos gols. A comemoração mais criativa foi a dancinha de Saulo Mineiro e Vizeu, baseada na música “Conto de Fadas e um carpinteiro”, durante a vitória do Ceará por 3 a 0 sobre o Sampaio Corrêa durante as quartas de final.

Comentários:

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*