Volante promete muita dedicação e raça com a camisa do Bahia

"Muito feliz. Expectativa das melhores possíveis", disse o jogador.

Foto: Felipe Oliveira / Divulgação / EC Bahia

Um dos reforços anunciados pelo Esporte Clube Bahia neste início de temporada, o volante Jonas já vem treinando junto com o elenco e também teve seu nome publicado no Boletim Informativo Diário da CBF. Desta forma, fica como opção para o técnico Dado Cavalcanti já para o jogo desta quarta-feira, contra o Manaus, pela Copa do Brasil. O jogador falou sobre como pode ajudar a equipe, e prometeu muita dedicação e raça com a camisa tricolor. Além disso, afirmou estar muito feliz em vestir a camisa do Esquadrão. 

 

“Muito feliz. Expectativa das melhores possíveis. Muito feliz em vestir a camisa do Bahia. Agradecer ao Bahia pela confiança no trabalho e agora fazer o que mais gosto, jogar futebol, me dedicar, com muita entrega em campo, como sempre fiz, e conseguir os triunfos. [Espero] Agregar bastante. Muita dedicação, raça, comigo não tem bola perdida. Empenho dentro de campo, dar o meu melhor para ajudar meus companheiros a conseguir os resultados positivos.”, disse.

Jonas também falou sobre o desempenho do time nos primeiros jogos da temporada. “O time, venho acompanhando, vem fazendo bons jogos. A gente sabe que a Copa do Nordeste é muito difícil, tem grandes times. Mas o Bahia está fazendo um grande trabalho e, se Deus quiser, vamos classificar. A gente sabe que o Bahia está em uma crescente boa. Está oscilando, é normal, faz parte do trabalho. Mas creio que o Bahia vai engrenar e fazer uma grande temporada”

Natural de Teresina (PI), Jonas Gomes de Sousa tem 29 anos e acumula passagens pelas divisões de base de Cerâmica e Piauí. Teve suas primeiras oportunidades como profissional no Comercial-PI, antes de ser contratado pelo Sampaio Corrêa, onde se destacou nas temporadas 2013 e 2014, disputando 65 jogos ao todo, e chamando a atenção do Flamengo. Foi contratado pelo clube carioca em 2015, ano em que atuou 32 partidas e marcou um gol. Em 2016, foi emprestado a Ponte Preta, mas permaneceu por pouco tempo e foi repassado ao Dínamo Zagreb, da Croácia. No retorno ao futebol brasileiro, em 2017, defendeu o Coritiba. Teve uma nova passagem pelo Flamengo em 2018, disputando 23 jogos, antes de ser vendido ao Al Ittihad. Em duas temporadas na Arábia Saudita, entrou em campo 23 vezes.

Comentários:

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*