Enderson Moreira diz ter ficado surpreso com demissão no Fortaleza

"Recebi com surpresa a notícia do meu desligamento", disse o treinador.

O treinador Enderson Moreira não resistiu à eliminação na semifinal da Copa do Nordeste para o Esporte Clube Bahia, empatando sem gols no tempo normal e perdendo nos pênaltis por 4 a 2, e acabou demitido do comando técnico do Fortaleza. O anúncio foi feito no último domingo. Enderson deixou o Leão do Pici com quase 80% de aproveitamento na temporada (9 vitórias, 3 empates e 1 derrota). Ele disse ter recebido com surpresa a notícia da demissão.

 

“Recebi com surpresa a notícia do meu desligamento do Fortaleza, muito em virtude de tudo o que vinha sendo construído com o respaldo da diretoria”, afirmou o treinador. 

Natural de Belo Horizonte (MG), Enderson Alves Moreira acumula passagens na carreira por Internacional, Fluminense, Goiás, Grêmio, Santos, Athletico-PR, América-MG, Bahia, Ceará, Cruzeiro e Fortaleza. Enderson ficou no Bahia de junho de 2018 até março de 2019. Foi contratado após a demissão de Guto Ferreira, com a missão de conquistar a Copa do Nordeste, mas perdeu a taça para o Sampaio Corrêa, na Arena Fonte Nova. No total, esteve à frente do Bahia em 59 jogos, com um aproveitamento de 48%: 22 triunfos, 19 empates e 18 derrotas.

Comentários:

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*