Com Douglas fora, Matheus Teixeira fará sua estreia na Sul-Americana

Goleiro não jogou no último sábado contra o Fortaleza na semifinal do Nordestão

Após testar positivo para Covid-19, o goleiro Douglas foi retirado da partida do último sábado, contra o Fortaleza, pela semifinal da Copa do Nordeste. Com Mateus Claus se recuperando de lesão, o substituto foi o jovem Matheus Teixeira, titular do time de transição, que deu conta do recado e saiu como herói ao defender dois pênaltis e garantir o triunfo do Esquadrão por 4 a 2 nas penalidades depois de um empate sem gols no tempo normal. Com a classificação, o Tricolor Baiano vai enfrentar o Ceará mais uma vez na final do Nordestão.

 

O resultado do exame de Douglas foi divulgado juntamente com a escalação da equipe, na noite do último sábado. O goleiro daria entrevista coletiva na última sexta-feira, mas foi substituído por Thaciano, o que provocou um atraso na programação do clube. A entrevista, que seria realizada no período da tarde, só ocorreu durante a noite.

Como está cumprindo o período de isolamento determinado pelo protocolo de segurança, Douglas também desfalca o Bahia na terça-feira, dia 27, diante do Club Desportivo Guabirá, da Bolívia, às 19h15, no Estádio Metropolitano de Pituaçu, pela segunda rodada do Grupo B. Com isso, Matheus Teixeira, herói contra o Fortaleza defendendo dois pênaltis garantindo o Bahia na final do Nordestão, vai seguir na equipe e fará sua estreia no torneio continental. Na estreia, o tricolor empatou em 1 a 1 com o Montevideo City, no Uruguai. Já o time boliviano perdeu dentro de casa por 3 a 1 para o Independiente-ARG, que lidera a chave com 3 pontos.

Natural de José Bonifácio, interior de São Paulo, Matheus Henrique Teixeira chegou à base do Palmeiras aos 14 anos após chamar a atenção atuando pelo Tanabi. No Verdão, passou por várias categorias, mas nunca chegou a ter chance no time principal e deixou o clube em 2019, se transferindo para o Bahia, onde chegou a atuar algumas partidas pela equipe sub-20. Apesar de ter sido incorporado ao elenco de transição para disputa do Campeonato Baiano, Teixeira sempre era relacionado para jogos da equipe principal, e ganhou sua primeira oportunidade em uma semifinal de Copa do Nordeste, se tornando o herói da classificação tricolor. Antes, o arqueiro havia atuado quatro jogos no Baianão e um na estreia do Nordestão, todos pelo time de transição.

 

 

Deixe seu comentário!

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*