Volante do Botafogo-PB reconhece o peso do Bahia na Copa do Nordeste

"Sabemos do grande peso que o Bahia tem de jogar em casa"

Bahia e Botafogo se enfrentam neste sábado, dando a sequência a segunda rodada da Copa do Nordeste, que terá outros quatro jogos com destaque em especial para o clássico entre Ceará e Vitória que se encaram na Arena Castelão, em Fortaleza. O Belo da Paraíba teve uma estreia frustrante quando apenas empatou em 0 x 0 com 4 de Julho-PI, no sábado (27) no Estádio Almeidão em João Pessoa na Paraíba. Desta forma, Botafogo-PB terá que recuperar pontos perdidos diante do Bahia. Enquanto o Bahia venceu o Salgueiro pelo placar de 3 x 2 atuando fora de casa. Para o volante Rogério enfrentar clubes grandes tem seu lado positivo, e ele não vê o empate sem gols na primeira rodada como um tropeço.

 

“Ano passado era um elenco experiente, com jogadores com mais rodagem. Esse ano temos um elenco mais novo, nós os remanescentes somos um pouco mais experientes. Mas isso é bom, porque nivela um pouco o nosso grupo entre jovens e experientes. Tentamos sempre dar o nosso apoio para eles para formarmos um grupo forte.”

Apesar do empate sem gols, o volante não vê o resultado como um tropeço. “Hoje em dia não tem mais jogo fácil, nós sabemos. Muita gente pensou que iríamos golear, mas nós jogadores, comissão, sabemos que hoje em dia não existe mais esse peso de camisa, de time maior, de time menor. É onze contra onze. Hoje em dia o futebol está muito forte, o time que estiver mais equilibrado dentro de campo, melhor fisicamente, vai sempre ganhar o jogo”, ponderou.

Sobre o Bahia, o jogador espera um jogo aberto e reconhece o peso do adversário. “Sabemos do grande peso que o Bahia tem de jogar em casa. Esses jogos assim achamos melhor porque é um clube grande que ataca, não vai jogar mais posicionado atrás. Vai ser um jogo mais aberto, isso vai dar oportunidade para finalizarmos melhor, que temos jogadores do meio para frente de qualidade. Esperamos chegar lá e fazer um bom jogo para voltar com os três pontos”, concluiu.

 

Comentários:

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*