Volante e lateral retornam ao Bahia após empréstimo ao Joinville

Caio Mello e Mayk estavam emprestados ao Joinville

Após o encerramento do empréstimo ao Joinville, onde disputaram a Série D do Campeonato Brasileiro, o volante Caio Mello e o lateral-esquerdo Mayk, ambos de 21 anos, estão de volta ao Esporte Clube Bahia. Nesta sexta-feira (1º), os jogadores tiveram seus vínculos com o Esquadrão reativados no Boletim Informativo Diário da CBF. O time catarinense foi eliminado ainda na primeira fase da quarta divisão. Caio Mello foi titular da equipe nos dez jogos que disputou, enquanto Mayk teve apenas três atuações em 14 rodadas. Os dois atletas vão fazer parte do time de transição do Bahia que irá disputar o Baianão.

 

Natural do Rio de Janeiro, Caio de Mello Vianna Pedrosa Galvão é cria das divisões de base do Esporte Clube Bahia e fez sua estreia profissional no dia 6 de fevereiro de 2019, no jogo entre Bahia e Atlético de Alagoinhas, pelo Campeonato Baiano. Além disso, no ano passado, disputou a Copa São Paulo e o Brasileiro Sub-20. Em 2020, foi promovido ao elenco de transição comandado por Dado Cavalcanti para disputa do Campeonato Baiano, e chegou a entrar em campo quatro vezes, uma como titular e três saindo do banco. Com o fim da equipe sub-23, não entrou nos planos do técnico Roger Machado para o grupo principal.

Natural de Santo Antônio do Salto da Onça, no Rio Grande do Norte, Mayksilvan da Silva Ferreira, 20 anos, foi revelado nas divisões de base do América-RN, onde se profissionalizou em 2017, atuando 13 jogos pela equipe potiguar. Em 2018, chegou ao Esquadrão por empréstimo para reforçar o time sub-23 e disputou 5 partidas pelo Campeonato Brasileiro de Aspirantes. Em 2019, atuou pelo time sub-20 na Copa São Paulo de Futebol Júnior, na Copa do Brasil e no Brasileirão da categoria. Pelo Baianão, foram 2 jogos. Já em 2020, assumiu a titularidade com Dado Cavalcanti no Campeonato Baiano, atuando todos os 7 jogos (e 90 minutos) antes da paralisação que acabou interrompendo a equipe de transição.

Comentários:

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*