Gustavo diz ter recebido outras propostas, mas preferiu voltar ao Bahia

"preferi voltar porque gosto da cidade, do clube, tenho amigos aqui"

Foto - Felipe Oliveira / EC Bahia

De volta ao Esporte Clube Bahia após uma rápida passagem pelo futebol da Coréia do Sul, o atacante Gustavo foi entrevistado na Sala de Imprensa Armando Oliveira, no CT Evaristo de Macedo e revelou ter recebido outras propostas, mas deu preferência ao Esquadrão, clube que abriu as portas para ele. O jogador se declarou ao Tricolor, disse ter muita gratidão e que não seria quem é hoje sem o Bahia.

 

“Tive outras coisas, mas preferi voltar porque gosto da cidade, do clube, tenho amigos aqui. O clube abriu as portas. O Bahia sem o Gustavo seria o mesmo clube; mas o Gustavo sem o Bahia não seria o que sou hoje. Tenho gratidão pelo clube, amor. Criei carinho que não tive por outro clube. Me sinto bem. Feliz em ter voltado e poder continuar o que tinha”, disse.

Mas apesar de já ter uma história com o manto do Esquadrão, o velocista falou da importância de se manter aplicado para seguir crescendo dentro do clube.

“Edson e Ramon estão jogando bastante [no time principal]. Não é um projeto qualquer. É forte e agrega valor para o clube. Espero fazer um bom Campeonato Baiano. Não tenho cadeira cativa aqui. Não é fazer corpo mole e achar que está tudo bem. É mostrar mais ainda para chegar lá, agora com Dado e fazer o que o treinador pedir, caso eu suba”, declarou.

 

Comentários:

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*