Flamengo fará representação no STJD contra Ramírez e Mano, diz dirigente

ele afirmou que o clube vai levar o jogador até a Delegacia de Crimes Raciai

Foto: Marcelo Cortes / Flamengo

Na manhã desta segunda-feira, em entrevista ao Redação SporTV, o vice jurídico do Flamengo, Rodrigo Dunshee, falou sobre a denúncia de racismo do volante Gerson ao meia colombiano Juan Pablo Ramírez, do Bahia, e confirmou que o clube carioca fará uma representação no Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) para pedir punição também na esfera esportiva contra o atleta tricolor, e também o técnico Mano Menezes.

 

“O Flamengo vai dar entrada no STJD com uma representação contra o Ramires e também contra o Mano Menezes. Na nossa ótica, no momento em que o técnico é comunicado que houve a injúria, ele não deveria ter falado mais nada a respeito. Por muito menos os jogadores do PSG saíram de campo. Nesse caso agora foi uma ofensa direta. Mano se mostra desconectado dos novos tempos.”

Além disso, ele afirmou que o clube vai levar o jogador até a Delegacia de Crimes Raciais e Delitos de Intolerância para registrar ocorrência contra o atleta tricolor.

“O Flamengo quer prestar todo o auxílio nessa situação totalmente desagradável. O Gerson não vai ficar sozinho. Entramos em contato com a delegacia de crimes raciais e estamos marcando de ir com o atleta por volta de 12h para que ele faça a representação de injúria racial.”

O dirigente afirmou ainda que ainda não sabe se há testemunhas. “Sempre difícil quando é a palavra de um contra o outro, mas não sei se é o caso.”

Deixe seu comentário!

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*