Despedida: atacante Tatu é homenageado pelo Vitória da Conquista

Tatu é o maior artilheiro da história do Vitória da Conquista

Maior artilheiro da história do Vitória da Conquista com 55 gols em 90 jogos, o atacante Tatu, de 36 anos, anunciou a aposentaria dos gramados na última semana. Neste domingo (20), ele foi homenageado pelo Bode com um jogo de despedida comemorativo, onde recebeu amigos e jogadores como o ex-atacante Pena, o zagueiro Sílvio e o meia Kleiton Domingues. O presidente do ECPP, Ederlane Amorim entregou uma placa ao agora ex-atleta e exaltou a história do atleta no clube.

 

“Essa singela e pequena homenagem foi o mínimo que o clube poderia ter feito por ele, que foi um atleta que sempre honrou a nossa camisa e que tem seu nome gravado na história do clube, um dos maiores ídolos. Gostaríamos que essa despedida fosse com casa cheia, mas devido a pandemia isso não foi possível. Nós desejamos que ele possa continuar brilhando em sua nova trajetória e que o clube sempre estará de portas abertas”, disse.

Tatu disse estar emocionado com o carinho e agradeceu o clube pela homenagem. “A palavra de Deus diz que pra tudo tem seu tempo determinado e eu tomei essa decisão me sentindo bem, sem pressão e com meu coração em paz. Estou muito emocionado pelo carinho que venho recebendo e me falta palavras para descrever o que estou sentindo, muito obrigado a todos vocês pela homenagem”, declarou.

Natural de Guanambi, Rômulo André Lopes, conhecido no futebol como Tatu, já defendeu clubes como São Caetano, Fortaleza, Aparecidense, Luverdense, América-RN, CRAC-GO, Caxias, Salgueiro, Sergipe. Além do Vitória da Conquista, o jogador atuou no futebol baiano por Unirb na Série B do ano passado e Barcelona de Ilhéus esse ano.

 

 

Comentários:

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*