Envergonhado, Douglas espera que goleada não “estropie” o Bahia

"A gente sai envergonhado pelo nosso desempenho", disse

Foto: Felipe Oliveira / EC Bahia

O Esporte Clube Bahia deu um vexame na noite da última sexta-feira e acabou sendo atropelado pelo Red Bull Bragantino, por 4 a 0, no Estádio Nabi Abi Chedid, pela 22ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série A. Após a partida, o goleiro Douglas disse que o time sai envergonhado pelo desempenho, porém, frisou que é preciso tirar lições da derrota e ter consciência para que não estropie o Bahia na sequência do Brasileirão e da Copa Sul-Americana.

 

“A gente sai envergonhado pelo nosso desempenho. Não tirando os méritos do Bragantino, mas fizemos um jogo muito baixo, aceitamos muito. Um jogo para tirar lições, que precisamos repetir o que nos trouxe nessa colocação. É ter consciência disso e ser grande nesse momento para que isso não nos aleije para a sequência do Brasileiro e da Sul-Americana”, afirmou.

Agora o Esporte Clube Bahia dá uma pausa no Campeonato Brasileiro e volta suas atenções para a Copa Sul-Americana, pelo qual enfrenta o Unión Santa Fé, na terça-feira (24), às 19h15, na Arena Fonte Nova, pelo jogo de ida das oitavas de final do torneio continental. Pela Série A, o Esquadrão só volta a campo no dia 28 de novembro, um sábado, às 19h, contra o São Paulo, novamente na Arena Fonte Nova.

O Esquadrão segue com 28 pontos no 9º lugar, mas pode perder duas posições até a finalização da 22ª rodada, enquanto o Bragantino emplaca mais uma vitória, deixa a zona de rebaixamento colocando o Vasco no seu lugar, e salta para o 10º lugar, com 25 pontos.

Deixe seu comentário

3 Comentário

  1. No meu ave esse goleiro tinha de comer era banco só sabe gritar quando se exige dele ele engole bola Klaus estava bem em campo não sei pq tiraram o rapaz

  2. Aí ainda contrata jogadores de pouca expressão e que não terá um pingo de consciência com o time. Vergonhosa essa derrota. O time com a torcida que tem e o presidente ainda não valoriza. Essa dupla de meseta não são. Bahia não?

  3. Jogadores sem vergonha, treinador apático, diretor de futebol incompetente e presidente completamente assustado, apavorado, desconhecedor do futebol. Todos os ingredientes para ser rebaixado. Só não cai se outros forem piores.

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*